Central Comics

Banda Desenhada, Cinema, Animação, TV, Videojogos

O Combate Quotidiano Vol. 2, de Manu Larcenet

A Seita e a Arte de Autor concluem a edição portuguesa de O Combate Quotidiano, que recolhe, em dois volumes duplos, os quatro volumes da edição francesa original, publicados entre 2003 e 2008.

O Combate Quotidiano Vol. 2, de Manu Larcenet

Vencedor do prémio para o Melhor Álbum no Festival de Angoulême em 2004, e já adaptado ao cinema em 2015, por Laurent Tuel, O Combate Quotidiano é a obra mais importante de Manu Larcenet, um dos nomes maiores da banda desenhada francesa contemporânea. Um relato com toques de autobiografia de um fotógrafo, que neste segundo volume se confronta com os desejos de maternidade da sua companheira, com a morte do seu pai, e com as fotografias antigas de eventos importantes, e outros menos importantes, comoventes, tristes, alegres… Um livro no qual o autor, através das pequenas coisas da vida do dia-a-dia, continua a questionar a alma humana com uma ternura tremenda, tocando os corações de todos os seus leitores de maneira profunda e permanente.

O Combate Quotidiano Vol. 2, de Manu Larcenet

Este segundo volume é enriquecido por um raro making of que permite compreender melhor o método de trabalho de Larcenet e que reúne os Volumes 3 (O que realmente importa) e 4 (Pregar pregos) da série original.

Ficção com contornos autobiográficos, em que o humor anda a par com uma reflexão tocante sobre as pequenas coisas da vida, O Combate Quotidiano representou um momento de viragem na obra do seu criador.

O Combate Quotidiano Vol. 2, de Manu Larcenet

Nascido em 1969, Emmanuel “Manu” Larcenet estudou artes gráficas no liceu, frequentando depois um curso de Artes Aplicadas. Vocalista de uma banda punk na adolescência, publicou as suas primeiras ilustrações e bandas desenhadas em fanzines de música. Em 1994 inicia a sua carreira profissional na BD com uma colaboração regular com a revista Fluide Glacial. A par dessa colaboração, Larcenet colabora também com a revista Spirou, onde assinou a série Pedro le Coati, com desenhos de Michel Gaudelette.

O Combate Quotidiano Vol. 2, de Manu Larcenet

Em 2000, Manu é convidado para integrar o selo Poisson Pilote, da Dargaud, onde se junta a Joann Sfar e Lewis Trondheim, para quem desenha a série Les Cosmonautes du Futur, e ao seu irmão Patrice, com quem faz as séries Les Entremondes e Une aventure rocambolesque de… Com Sfar e Trondheim, Larcenet colaborou também na série Donjon, para a editora Delcourt, ilustrando cinco álbuns para o ciclo Donjon Parade. Depois do Combate Quotidiano, na sequência da sua mudança para o campo, Larcenet tem alternado projectos mais pessoais, publicados pela sua editora Les Rêveurs, com obras de maior fôlego para a Dargaud, como o tour de force gráfico e narrativo que é a série Blast, ou a magnífica e perturbadora adaptação do romance de Philippe Claudel, O Relatório de Brodeck, também já publicado em Portugal.

O Combate Quotidiano Vol. 2, de Manu Larcenet

Uma obra superlativa, em que o traço caricatural ‘infantil’ com cores suaves (o estilo mais habitual em Larcenet) tem um papel fundamental, ao confundir as expectativas do leitor, surpreendendo com um grafismo leve para ilustrar um argumento que não o é.”

João Ramalho-Santos (Jornal de Letras)

Uma obra-prima!”

Filipe Melo

O Combate Quotidiano Vol. 2, de Manu Larcenet

O Combate Quotidiano Vol. 2
de Manu Larcenet
A Seita / Arte de Autor
136 páginas, formato 215 x 285 cm, cores, capa dura
ISBN: 978-989-9094-04-8
PVP: 28€
Compra aqui com 10% desconto e portes grátis

O Combate Quotidiano Vol. 2, de Manu Larcenet 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.