Jogos: Super Meat Boy Forever – Análise

Super Meat Boy Forever

Super Meat Boy Forever chega à Nintendo Switch e ao PC, depois de ter dado cartas no iOS. Mas será que faz a mesma figura de outrora?

Vou aproveitar para tirar já “o elefante da sala” e dizer ao leitor aquilo que deverá querer saber. Super Meat Boy Forever joga um pouco como um jogo para telemóvel? Sim. Mesmo que tenha sido feito uma versão bastante boa para consolas e PC, a realidade é que o jogo saiu inicialmente para o sistema operativo da Apple e acaba por funcionar como um jogo de corrida infinita por níveis. O jogo tem vários níveis, mas, a partir do momento em que começamos a jogar, a nossa personagem começa a correr e apenas temos que carregar em certos botões no momento certo.

Se isso tira alguma dificuldade ao jogo, já que o Super Meat Boy original era (e é) conhecido pela sua dificuldade extrema já é outra conversa. Posso já garantir que a dificuldade continua igual. Preparem-se para níveis brutais, em que a morte é inevitável. Irão morrer várias vezes enquanto tentam passar por obstáculos e inimigos, inúmeras vezes. Vão ficar bastante frustrados, mas, essa acaba por ser a beleza do jogo. Especialmente pelo sentimento de objetivo completo que ficamos quando chegamos ao fim de um nível que nos matou inúmeras vezes.

Super Meat Boy Forever

Antes de continuar a falar do jogo, gostava de fazer um aparte sobre a história. A história neste jogo acaba por não ser algo importante, mas, de certa forma, sem ela não existiria Super Meat Boy Forever. Alguns anos depois dos eventos originais, Meat Boy e Bandage Girl tem um filho chamado Nugget. Um dia, sem nada o prever, o maldito Dr. Fetus (tirem as vossas conclusões, se não jogaram o jogo original) regressa das sombras e rapta Nugget. O nosso objetivo passa então a ser salvá-lo das garras do nosso eterno inimigo. No fundo, temos uma história básica, mas que ao mesmo tempo, dá todas as desculpas necessárias para andarmos aos saltos, murros e outras ações num ambiente cartoon e que à primeira vista parece calmo e bonito, mas rapidamente vamos entender que é sangrento e reles.

  Odysseus Kosmos and his Robot Quest é anunciado!

Super Meat Boy Forever é uma experiência diferente. Parece um jogo de telemóvel, joga como um jogo de telemóvel. No entanto, sabe a um jogo original como o primeiro. Aproveito também para dizer que é um jogo que poderão jogar imensas vezes, do início ao fim, sem nunca verem um nível igual. Porquê? Todos os níveis são gerados aleatoriamente e cada vez que completamos o jogo e temos a opção de voltar a jogar, a experiência é novamente diferente já que apresenta novos níveis e localizações secretas únicas.

Super Meat Boy Forever

Resta concluir que, Super Meat Boy Forever é um jogo muito difícil. No entanto, é um prazer jogá-lo e voltar a jogá-lo para vivermos as aventuras com inúmeras personagens diferentes e níveis que nos vão dar prazer completar. É um jogo de telemóvel agora transformado numa experiência para consolas, mas, podemos dizer que é um “Sr. Jogo de Telemóvel”.

Nota Final: 8/10

Super Meat Boy Forecer está disponível para iOS, Nintendo Switch e PC. Em Janeiro será lançado na PlayStation 4 e Xbox One

Desenvolvedor e Distribuidor: Team Meat

António Moura

Um pequeno ser com grande apetite para cinema, séries e videojogos. Fanboy compulsivo de séries clássicas da Nintendo.

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *