Central Comics

Banda Desenhada, Cinema, Animação, TV, Videojogos

Jogos: Jump Force Deluxe Edition – Análise

No Central Comics já jogamos o maior crossover de anime a chegar à Nintendo Switch. Depois de uma estreia fraca nas restantes consolas e PC, como se portará Jump Force Deluxe Edition na híbrida da Nintendo?

Jump Force Deluxe Edition

Num mundo em que os heróis e vilões de várias franquias da Weekly Shonen Jump colidiram, um novo herói surge do local mais recôndito possível. Este, na teoria é o ponto de partida do nosso jogo e que, acaba por nos levar para o menu principal que funciona como um lobby e que nos dá as opções de jogo que temos a nosso dispor.

Tanto o modo história, como o modo versus são bastante interessantes, no entanto, penso que se existisse uma maior profundidade em termos de história seria importante. Sim, vemos o erguer de um novo herói, enquanto também vemos combates que nunca esperaríamos ver, mas acaba por não ser suficiente.  Se serve para enfrentarmos os nossos amigos em combates de 3 contra 3? Definitivamente. No entanto, senti que fazia algo falta naquele jogo.

Jump Force Deluxe Edition

Porém, se existe algo que me espantou foi o facto de ser um jogo tão bonito na Nintendo Switch. Passo a explicar: quando o jogo foi anunciado para PC, PlayStation 4 e Xbox One, o detalhe das personagens o mais realista possível era bastante curioso, mas, quando o jogo realmente saiu acabamos por nos aperceber que não funcionava bem assim como pensávamos que iria funcionar. Ficou um jogo horrível, sem contexto e que prometia uma jogabilidade a 60 fotogramas por segundo, mas, a maioria das vezes acabava por descer bastante.

Na Switch, por sua vez a história é diferente. É como se fosse um jogo completamente diferente, os gráficos encaixam perfeitamente e mesmo que a jogabilidade esteja reduzida a 30 fotogramas por segundo, a realidade é que não vi nenhum problema durante as sessões de jogo. Além disso, cada personagem está especialmente bem desenhada e mostram realmente a sua forma de ser. Além de que poder fazer embates entre personagens de Naruto, Hunter x Hunter ou até mesmo Yu-Gi-Oh! é algo capaz de deixar qualquer fã destas propriedades doidos. Além disso, nesta versão que se apresenta como uma super versão do jogo, também temos as personagens bónus de DLC, aumentando assim o elenco de personagens que podemos usar.

Jump Force Deluxe Edition

Resta concluir que, Jump Force Deluxe Edition é uma aposta nova na Nintendo Switch, onde deveria estar logo de início quando o jogo foi lançado. No entanto, peca pela jogabilidade que se pode avizinhar fraca, pela história fraca e pelo elevado nível de repetibilidade.  

Nota Final: 5/10

Jump Force Deluxe Edition está disponível para PlayStation 4, Xbox One, PC e Nintendo Switch

Editora: Bandai Namco

One thought on “Jogos: Jump Force Deluxe Edition – Análise

  1. Tenho o Jump Force no PS4. Se eu instalar a versão Deluxe eu irei perder meu avanço no anterior ou o Deluxe funciona como uma expansão?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.