Fantasporto: Manchevski volta a vencer com “Willow”

Grande Prémio Semana dos Realizadores – Prémio Manoel de Oliveira
Milcho Manchevski e o seu WILLOW, que hoje será exibido pelas 19 horas, no Rivoli, na presença do realizador, foi o vencedor, pela segunda vez em três anos, do Grande Prémio da Semana dos Realizadores – Prémio Manoel de Oliveira na 40ª edição do Fantasporto – Festival Internacional de Cinema do Porto. Um dos mais afamados realizadores da actualidade, já vencedor do Leão de Ouro de Veneza ou de Prémios em Berlim entre outros, em 2016 já tinha visto a sua obra homenageada no Festival do Porto com o Prémio por uma Carreira.

O Júri Internacional, constituído pelos britânicos Anton Bitel e Nigel Floyd ambos críticos de cinema em meios como a Sight and Sound, Rotten Tomatoes ou Time Out, e o realizador português do mais premiado filme de sempre da história do cinema em Portugal, A Vida Sublime, atribuiu também dois importantes prémios ao húngaro Béla Bagoti, (ainda presente no Porto), o Prémio de Melhor Realizador e Melhor Argumento – pelo seu filme VALAN – VALLEY OF THE ANGELS, o qual brevemente estreará comercialmente em Portugal. O Prémio para o Melhor Actor iria para Cem Bender do filme turco OMAR AND US,  e o de Melhor Actriz para a coreana Yeong- Ae Lee, já nossa conhecida em I SAW THE DEVIL, e aqui vencedora em BRING ME HOME, de Seung-Woo Kim. O Prémio Prémio Especial do Júri foi para a obra de Francisco Bendomir, UNA CHICA INVISIBILE, um filme divertido vindo da Argentina sobre o uso da tecnologia.

WILLOW é hoje EXIBIDO NO FANTASPORTO pelas 19h

Coincidências vária levam a que WILLOW seja hoje exibido em competição no Fantasporto, tendo o Júri Internacional visto o filme durante a semana. É uma co-produção entre República da Macedónia, a Hungria e a Bélgica no qual três mulheres têm de lutar pelo controlo dos seus corpos. Em causa a tradição, a lealdade, a gravidez e a adopção. Milcho Manchevski que também viu o seu filme BEFORE THE RAIN nomeado para os Óscares, venceu ao longo da sua carreira mais de 30 prémios em eventos internacionais. Nascido na Madedónia, tem a sua actividade actualmente sediada em Nova Iorque e cruza-a com a de professor em diversas universidades e escritor.

  "Mulan" já tem data de estreia

DE NOVO, A HUNGRIA E BÉLA BAGOTA

Ainda presente no Porto, acompanhado pelo produtor do seu filme, Béla Bagota vence com VALAN: VALLEY OF ANGELS os prémios de Realização e Argumento, com este se 1º filme. De facto, chegou ao Porto  já como o Melhor Realizador nos Prémios de Cinema Húngaros recentemente atribuídos. Apesar da sua jovem carreira, demonstra já ser um nome a seguir nos próximos tempos no mercado de cinema Mundial. Em princípio, o filme poderá ser revisto no próximo Domingo, aquando a exibição dos filmes premiados no Rivoli. O argumento gira em torno de um polícia que regressa à sua terra natal, Válan, esperando encontrar a sua irmã menor, a qual não vê há vinte anos. Entretanto descobre um corpo na floresta.
Importante será de referir que a Secção Oficial Semana dos Realizadores – Prémio Manoel de Oliveira se realiza pela 31ª vez, tendo aberto o conceito do festival Internacional de Cinema do Porto a todo o cinema, independentemente do seu género.

Os Prémios principais do Fantasporto 40 anos serão amanhã anunciados em Conferência de Imprensa a realizar pelas 13 horas no Rivoli. Aí saberemos as decisões dos júris das Secções Oficiais de Cinema Fantástico, Orient Express e do Prémio de Cinema Português.

Ricardo Lopes

Começou a caminhar nos alicerces de uma sala de cinema, cresceu entre cartazes de filmes e película. E o trabalho no meio audiovisual aconteceu naturalmente, estando presente desde a pré-produção até à exibição.

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *