Central Comics

Banda Desenhada, Cinema, Animação, TV, Videojogos

Crítica: Bravest Warriors #1

bravest warriors 1 - capaFoi com alguma surpresa que descobri este issue #1 dos Bravest Warriors, já que tento andar o mais informado possível sobre o trabalho de Pendleton Ward.[fbshare]

Para quem não conhece, Pendleton Ward é o autor dos desenhos animados “Adventure Time”, provavelmente das melhores séries animadas que já passaram pelo Cartoon Network. Embora tenha sempre uma moral associada, os desenhos animados são completamente fora do normal, com personagens estranhas e sem qualquer nexo. É um mundo totalmente “freak”, mas bem engraçado. O sucesso foi tanto que acabaram por adaptar essas aventuras também para comics.

Bravest Warriors segue a mesma linha de estilo: os desenhos simpáticos e queridos dão um ar infantil necessário à série, mas os diálogos e a construção dos personagens estão longe de atingir apenas os mais pequenos. Mas enquanto que em Adventure Time a ação passa-se no mundo de Hu, já em Bravest Warriors, toda a ação é no espaço.

bravest warriors 1 cover 3Neste primeiro número são-nos apresentados as personagens e deparamos-nos logo com as características psicológicas de cada um. O autor não tem problema em assumir esta primeira revista como uma apresentação das emoções, tiques e manias de cada um. Os diálogos são do mais atual que há (muitas expressões linguísticas tiradas da Internet, expressões faciais que vemos às dezenas em GIF’s, em tumblr’s) e tem o humor particular de Pendleton. Cada herói tem o seu lado querido, emocional e o lado mais duro. Mas nunca roça a ação pura e dura nem a lamechice.

Mais importante, e isto sim é o ponto fulcral das histórias de Pendleton, é que podem contar com bananas falantes, lutas entre cupcakes e naves e acessórios espaciais mirabolantes (e com uma capa alusiva a uma cena famosa do Star Wars – veja em baixo). Até podia comparar este trabalho a “Adventure Time”, mas não seria justo, já que só li apenas ainda o issue #1. Aconselho-vos a lerem e já agora a verem trabalhos anteriores deste autor, de forma a contextualizarem melhor o seu estilo e a gostar dele.

Bravest Warriors 1 cover star wars bravest warriors #1 art 1 bravest warriors #1 art 2bravest warriors #1 art 3
(Clica nas Imagens para ampliar)
Argumento: Joey Comeau

Arte: Mike Holmes
Editora: Boom! Studios
Preço: $3.99 USD

Classificação: 7/10
Miguel Peres 

previews O Lobo Mau

 

2 thoughts on “Crítica: Bravest Warriors #1

  1. Hey! Sim, a Kaboom! dirige-se ao público infantil. O que eu quis dizer foi que tanto o Bravest Warriors como o Adventure Time têm características que conseguem agradar também ao público adulto. Pelo menos eu (que tenho 25 anos) acho que tem pormenores bem bons que aprecio e que talvez os miúdos não dêem tanta importância.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.