Central Comics

Banda Desenhada, Cinema, Animação, TV, Videojogos

1 de Abril: Antevisão – Bone

A editora Polvo prepara-se para lançar, no final deste mês, o épico BONE de Jeff Smith, num álbum integral.[fbshare]

Vencedor de 11 Harvey Awards e 10 Eisner Awards incluindo Best Cartoonist e Best Humor Publication. BONE também venceu inúmeros prémios internacionais em países como Itália, França, Alemanha, Espanha, Finlândia ou Noruega. E agora chegou a vez de termos, finalmente, a edição portuguesa.

Depois de ser expulso de Boneville, os três primos Bone, Fone Bone, Phoney Bone e Smiley Bone, são separados e perdem-se num vasto deserto inexplorado. Um a um, eles acabam por entrar nas profundezas de uma floresta cheia de criaturas maravilhosas e aterrorizantes. Este será o mais longo – mas o mais engraçado – ano de suas vidas.

Aqui ficam as primeiras imagens (clica para ampliar):

bone1-polvo BONE1
BONE2
bone3

Brincadeira de 1 de abril! 🙂

Sinopse e imagens gentilmente cedidas pela Polvo.

[ad#cabecalho]

7 thoughts on “1 de Abril: Antevisão – Bone

  1. Olha a peta de 1 de Abril!!! E deste-te ao trabalho de legendar em Português Europeu. És um senhor Hugo Jesus.

    Por momentos pensei que um zum-zum que anda a correr nos fóruns da segunda colecção de novelas gráficas da Levoir tivesse começado aqui. Assim tenho esperanças que essa não seja peta.

  2. Olha pensei o mesmo, até vi isto depois de almoçar com o Rui, e liguei-lhe só naquela e… é mesmo verdade!… Nem acredito. Incrível. Só me resta dar os parabéns e acolher o Bone a uma editora que nos habituou a publicar só de que melhor se faz neste mundo em termos de BD como por exemplo a Trilogia “Há Piores”.

  3. Tá tudo encumunado uns com os outros, carago. Agora Bone! É bom demais para o nosso mercado, é claro que é brincadeira de 1 de Abril. E lançar no final do mês de Abril? Sem evento nenhum onde o fazer render. Feira do Livro e Beja só se dão em Junho, ainda vem um longo Maio pelo meio até lá.

  4. Brincadeiras de mau gosto. Quanto aos seus autores,vao trabalhar,em vez de enganar os outros. Deploravel.

  5. Era óbvio que isto era mentira. Não estou a ver uma editora portuguesa arriscar-se a lançar uma edição de 1300 páginas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *