Central Comics

Banda Desenhada, Cinema, Animação, TV, Videojogos

O Perigoso Pacifista, de João Mascarenhas e Paulo Vaz de Carvalho

Já está em distribuição pela A Seita, um pouco por todo o lado, o mais recente lançamento de BD de autores portugueses, “O Perigoso Pacifista”, de João Mascarenhas e Paulo Vaz de Carvalho, uma biografia que nos traz a história da vida de Adriano Correia de Oliveira, baseada em episódios vários da sua vida, contados por Paulo Vaz de Carvalho, que com ele privou e tocou durante anos, e ilustrada por João Mascarenhas, um dos veteranos da BD nacional.

O PERIGOSO PACIFISTA: HISTÓRIAS DE ADRIANO CORREIA DE OLIVEIRA

Um álbum que mostra um lado mais divertido e mais humano de uma das mais importantes vozes portuguesas da segunda metade do século XX, e que inclui um CD com sete dos seus maiores êxitos, e nos relembra que naqueles tempos, “Revolução” rimou muitas vezes com “canção”.

E é de lembrar que faz muitos, muitos anos, que não está disponível qualquer edição da música de Adriano no nosso país. Este álbum é uma coedição com o Centro Artístico Cultural e Desportivo Adriano Correia de Oliveira, que trabalha neste projecto há já uns anos.

O PERIGOSO PACIFISTA: HISTÓRIAS DE ADRIANO CORREIA DE OLIVEIRA

Este volume inclui também uma secção extensa de notas biográficas sobre Adriano Correia de Oliveira, bem como a sua discografia completa, e um prefácio de José Barata-Moura.

A música de Adriano Correia de Oliveira marcou profundamente a vida de Portugal antes e depois do 25 de Abril, e foi uma das peças fundamentais com que se construiu o país democrático em que hoje vivemos. Durante muito tempo injustamente esquecida, a obra de Adriano é homenageada neste livro que, através de depoimentos daqueles que privaram directamente com o cantor, recolhidos por Paulo Vaz de Carvalho e João Mascarenhas, mostra um lado mais divertido e mais humano de uma das mais importantes vozes portuguesas da segunda metade do século XX. Um livro que inclui um CD com sete dos seus maiores êxitos, e que nos relembra que naqueles tempos, “Revolução” rimou muitas vezes com “canção”.

João Mascarenhas, autor de banda desenhada já confirmado e com obra feita, dedicou-se a ilustrar esta biografia, mas também, em muitas das suas páginas, a Coimbra dos seus tempos de estudante, a mesma Coimbra que ajudou a criar a pessoa de Adriano Correia de Oliveira.

“Boa parte da alma cantada da Revolução dos Cravos passa pelos acordes e pela voz de Adriano. E é boa parte dessa alma que nos é revelada neste livro. A vida como ela é, contada de forma sublime neste livro encharcado em humanidade e poesia. Um livro que reverbera a vida de Adriano mas que fala essencialmente da condição humana, trazendo o músico para o nosso convívio, para a nossa intimidade.”

Paulo Monteiro – Director do Festival de BD de Beja e autor de BD

O PERIGOSO PACIFISTA: HISTÓRIAS DE ADRIANO CORREIA DE OLIVEIRA

“As pranchas que o leitor vai percorrer materializam uma articulação inteligente – superiormente conseguida – de textos com imagem e de imagens que são texto. Nelas, o encadeado das estórias devolve-nos ao prazer da vista fragmentos de história que fazem pensar. Arrancam ao esquecimento cenas e cenários que os mais velhos recordarão, e que à descoberta dos que depois vieram, e vierem, se entregam. (…) No objecto cultural agora presente, Paulo Vaz de Carvalho e João Mascarenhas depositam uma homenagem a que todos aqueles que com o Adriano tiveram a sorte de conviver gostariam de associar o testemunho.”

José Barata-Moura (do prefácio)

O PERIGOSO PACIFISTA: HISTÓRIAS DE ADRIANO CORREIA DE OLIVEIRA

Paulo Vaz de Carvalho é guitarrista e professor universitário. Como músico, acompanhou Adriano em inúmeros concertos, e tem estado presente a solo e em conjuntos, em festivais de guitarra portugueses e estrangeiros. Foi solista de guitarra com as orquestras Camerata Musical do Porto, Regie Sinfonia do Porto, Orquestra Metropolitana de Lisboa, Orquestra do Norte e Filarmonia das Beiras. É Professor Auxiliar nas áreas de Guitarra, Técnica e Literatura de Guitarra e Música de Câmara, no Departamento de Comunicação e Arte da Universidade de Aveiro. O Perigoso Pacifista assinala a sua estreia como escritor de Banda Desenhada.

João Mascarenhas é autor e divulgador premiado de Banda Desenhada e ilustração. A sua personagem (e seu alter ego) O Menino Triste é publicada desde 2001, contando já com 4 livros. Outro trabalho seu, Butterfly Chronicles, uma BD de ficção científica, foi criada para suportes digitais de leitura. Tem sido exposto em vários continentes, participado em inúmeros projectos e editado vários fanzines, o último dos quais foi BDLP, que reúne autores dos países da CPLP e venceu o Prémio Nacional de BD do Festival Internacional Amadora BD 2013 na categoria Fanzine e o Troféu HQ MIX 2014, no Brasil, na categoria Destaque Língua Portuguesa. O Perigoso Pacifista é o seu mais recente trabalho em BD.

Este volume inclui uma secção extensa de notas biográficas sobre Adriano Correia de Oliveira, bem como a sua discografia completa, e um prefácio de José Barata-Moura.

O PERIGOSO PACIFISTA: HISTÓRIAS DE ADRIANO CORREIA DE OLIVEIRA

O livro inclui um CD em que se reúnem sete dos maiores êxitos de Adriano Correia de Oliveira:

1 – Minha Mãe (1962) – 03:07
2 – Trova do Vento que Passa (1963)
3 – Cantar de Emigração (1970)
4 – Canção com Lágrimas (1970)
5 – E Alegre se Fez Triste (1971)
6 – Tejo que Levas as Águas (1975)
7 – Vira Velho (1980)

O PERIGOSO PACIFISTA: HISTÓRIAS DE ADRIANO CORREIA DE OLIVEIRA

O PERIGOSO PACIFISTA: HISTÓRIAS DE ADRIANO CORREIA DE OLIVEIRA
Arte de JOÃO MASCARENHAS e argumento de PAULO VAZ DE CARVALHO
A Seita
56 páginas a cores), capa dura, formato 215 x 285 mm
ISBN: 978-989-53382-6-9
PVP: 17,50 €
Compra aqui com 10% Desconto e portes grátis

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.