Central Comics

Banda Desenhada, Cinema, Animação, TV, Videojogos

MOTELX 2020: Anunciadas as curtas selecionadas para o Prémio MOTELX – Melhor Curta de Terror Portuguesa / Méliès d’Argent

Com o aproximar da 14ª edição do MOTELX – Festival Internacional de Cinema de Terror de Lisboa, programada para os dias 7 a 14 de Setembro, no Cinema São Jorge, e depois do anúncios das primeiras novidades no mês passado, eis que são anunciadas as 12 curtas seleccionadas para a competição Prémio MOTELX – Melhor Curta de Terror Portuguesa / Méliès d’Argent.

Fiquem a saber quais são:

A Grande Paródia, de André Carvalho
Um realizador adormece enquanto vê televisão e sonha sobre vender a alma a troco de fama e glória.

Carnaval Sujo, de José Miguel Moreira
Os namorados Pedro e Inês viajam de Lisboa para assistir ao Carnaval de Ovar. Perdem-se nos pântanos da Ria, onde quase atropelam Teresa, uma criança desaparecida.Teresa foge, e Pedro e Inês procuram-na na laguna, ao mesmo tempo que a protegem de um estranho e perigoso grupo de mascarados que também procura a criança: os Dominós…

MOTELX2020-ComSonoMasNaoDurmo

Com Sono, Mas Não Durmo, de Tiago Bastos Nunes
Uma viúva que grava os próprios sonhos é incapaz de dormir até que o marido regresse a casa. Uma viagem pela memória daqueles que já partiram e a morte que nem sempre é aceite por aqueles que ficaram.

MOTELX2020-DeathOnTape

Death on Tape, de Pedro Miguel Costa
Frank, um engenhoso guitarrista de metal, determinado em entrar para a história do rock graças a uma inovação capaz de superar o famoso “live on tape”, consegue, para esse fim, atrair Angie, uma sensual bailarina.

MOTELX2020-KaraokeNight

Karaoke Night, de Francisco Lacerda
Dois turistas desprezíveis passam a noite num bar de Karaoke, nos Açores, quando dão de caras com uma jovem sedutora a cantar. Mal sabem eles que a rapariga tem intenções maléficas. Karaoke Night é uma história sobre amizades bizarras e um lembrete para não tomarmos tudo como garantido, a menos que planeie ter a noite da sua vida, literalmente. O realizador Franscisco Lacerda regressa ao MOTELX depois de exibir Dentes e Garras 2 (2014) e Freelance (2018) com efeitos especiais de Fernando Alle (Mutant Blast) e Minja Toumisalo (Euthanizer, exibido no TIFF ’17).

MOTELX2020-Loop

Loop, de Ricardo M. Leite
O ano é 2113, a humanidade encontra-se no limiar da extinção devido ao avanço tecnológico. Raquel procura encontrar uma solução para o problema recorrendo à inteligência artificial. “Loop”, um filme hipnótico que explora uma realidade distópica, venceu o prémio de melhor curta-metragem estudante no festival Feel The Reel International Film Festival em Glasgow, e foi nomeado para melhor curta-metragem de ficção nos Prémios Sophia 2019.

MOTELX2020-Mata

Mata, de Fábio Rebelo
Um casal perdido na floresta acaba por se encontrar. Mas qual será o preço a pagar por esse reencontro?

MOTELX2020-MirrorRoom

Mirror Room, de David Seguro
Luís é um rapaz que aparenta ser normal, revive constantemente o mesmo sonho interrompido apenas pelo toque ensurdecedor de um telefone antigo. Estes sonhos começam a revelar uma verdade aterrorizante e a consumir aos poucos a vida de Luís.

MOTELX2020-OIntruso

O Intruso, de Hugo Pinto
Uma adaptação moderna do conto “The Outsider” do escritor americano H.P. Lovecraft. Um misterioso indivíduo que habita sozinho num castelo decide libertar-se em busca de algum contato humano e de luz.

MOTELX2020-OSilencio

O Silêncio, de Pedro Caldeira e Paulo Graça
O silêncio desenhava as paredes, cobria as mesas, emoldurava os retratos. O silêncio escul­pia os volumes, recortava as linhas, aprofunda­va os espaços. Foi então que se ouviu o grito. A partir do conto “Silêncio” de Sophia de Mello Breyner.

Petrichor, de Gustavo Silva
Uma artista pinta as suas inseguranças. Quem ganhará?

Porque Odeias o teu Irmão, de Pedro Martins e Inês Marques
Clara e Vítor são dois irmãos com uma relação conturbada, marcada pelo desacordo sobre o rumo a tomar em relação à relíquia da família. A relação será ainda mais abalada pelo súbito aparecimento de um visitante inesperado chamado Luís.

O contingente de curtas portuguesas inclui ainda duas curtas exibidas fora de competição. Descrita como “um ritual visual entre a morte e a vida”, Sábàtina, de Rafael dos Santos, será exibida na nova secção do MOTELX dedicada às Curtas Experimentais.

Na secção infanto- juvenil Lobo Mau, destaca-se a curta de Bruno Caetano O Peculiar Crime do Estranho Sr. Jacinto, vencedora nos Prémios Quirino de Animação Ibero-Americana.

A 14ª edição do MOTELX decorre de 7 a 14 de Setembro no Cinema São Jorge, em Lisboa.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *