Central Comics

Banda Desenhada, Cinema, Animação, TV, Videojogos

KM 224: trailer para o novo filme de António-Pedro Vasconcelos

Já é conhecido o primeiro trailer de KM 224, a nova longa-metragem do realizador António-Pedro Vasconcelos, que conta com os actores José Fidalgo e Ana Varela nos papéis principais e chega aos cinemas a 21 de Abril.

Rodado em Lisboa no Verão de 2021, KM 224 acompanha a história de um divórcio conflituoso entre Mário (José Fidalgo) e Cláudia (Ana Varela), marcado pela disputa da guarda dos dois filhos (Mateus de 6 anos e Francisco de 7).



Mário é arquitecto e um pai pouco tradicional, que vê na alegria a principal regra da educação, mas, por incúria ou azar, sujeita por vezes os filhos a situações menos convencionais. Por outro lado, Cláudia, que tem um lugar de responsabilidade numa rede de hotéis multinacional, é focada no trabalho e obcecada com a estabilidade. E a instabilidade de Mário choca com as suas preocupações.

As crianças moram alternadamente com os progenitores, mas esse regime tácito é posto em causa quando Cláudia aceita um emprego noutro país, o que acabará por levar Cláudia e Mário a reavaliar muitas das suas certezas e a questionar os efeitos das suas divergências sobre a felicidade dos filhos.

Gonçalo Menino e Sebastião Matias desempenham os papéis de Mateus e Francisco. KM 224 conta ainda com os actores Joana Africano, Lia Gama, Pedro Hossi, Ana Cristina Oliveira, Susana Arrais, Rui Morisson e André Gomes.

KM224 chega aos cinemas quase 50 anos depois da estreia da primeira longa-metragem realizada por António-Pedro Vasconcelos, Perdido por Cem. A carreira do realizador inclui sucessos como O Lugar do Morto, Jaime, Call Girl, A Bela e o Paparazzo entre outros títulos.
Em KM 224, António-Pedro Vasconcelos voltou a trabalhar com o produtor Paulo Branco e com o director de fotografia Mário Barroso.

Chega aos cinemas a 21 de Abril, com distribuição pela NOS Audiovisuais.

 

One thought on “KM 224: trailer para o novo filme de António-Pedro Vasconcelos

  1. Parece que será um filme de reflexão,
    é preciso que os pais e adultos não se esqueçam que o bem estar das crianças vem primeiro que as suas ambições econômico-pessoais.
    O que, actualmente, se vive, a atmosfera mundial é prova evidente de que os adultos são incompetentes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.