Central Comics

Banda Desenhada, Cinema, Animação, TV, Videojogos

Jogos: Análise – Cannon Brawl (PS4)

Por que raio se foram lembrar de um jogo indie para PC de 2014, para quase sete anos depois adaptarem para as consolas? E eu pergunto logo a seguir: Por que raio demoraram tanto tempo?


Pois é, Cannon Brawl chegou à Playtation, Xbox e Switch na Primavera de 2021. Pecou por ser tardio, aliás, seria óptimo ter saído aquando do primeiro confinamento pois, pela sua natureza co-op, e um excelente divertimento para estes tempo de pandemia.

Visualmente até pode ter um aspecto tosco, mas é de salientar que o jogo foi feito por apenas 3 pessoas, que se auto-catalogam como um clássico jogo de artilharia 2D com o ritmo rápido de um RTS. E é mesmo isso. Basicamente é um conceito estilo o mítico Worms, mas não se joga por turnos, mas sim nonstop. O que faz com que temos de ser ágeis nos dedos, mas principalmente no pensamento para muito rapidamente acharmos a melhor estratégia para derrotarmos os inimigos.

Podem ver aqui o nosso gameplay, em jogo de campanha:

Bom, mas além da mistura destes dois estilos num só, e se viste o vídeo em cima, reparaste também que o objectivo não é derrotar todos os inimigos contrários, mas sim rebentar com o castelo. O que quer dizer que sim, também mete aqui o estilo tower defense. E é precisamente toda esta “misturada” que faz com o Cannon Brawl se destaque no meio de tantos outros jogos que já pude experimentar.

Portanto, temos a opção de campanha, onde percorremos um enorme mapa com 20 missões em 5 ambientes diferentes, e que podemos ir desbloqueando dirigíveis e artilharias várias (convém mesmo fazê-lo e são mais de 20). E aqui não temos só lutas 1v1 contra a IA, mas há muitas missões onde tens de concluir com objectivos distintos, como por exemplo derrotar o castelo com apenas 2 tiros, entre muitos outros.

Podemos então jogar contra alguém localmente, e o quão divertido é! Nem imaginam o stress (mas do bom) que é quando estamos quase a derrotar ou a ser derrotados… as chamas do castelo a começar a aparecer… Ou quando estamos prestes a eliminar o nosso amigo e PUMBA, um tiro certeiro do nosso parceiro acaba com o nosso castelo!

Ou podemos jogar online com um amigo convidado ou mesmo com um desconhecido online. Mas atenção que o jogo é mesmo muito rápido, por isso o melhor é mesmo visitarem sites como o Speedcheck para verificarem se a vossa rede está mesmo boa, pois falhares por 2 segundos pode ser o suficiente para dizeres adeus à vitória!

O jogo é uma grande diversão principalmente para dois jogadores, e uma excelente adição à nossa colecção de videojogos por um preço simpático de apenas 9,99€.

Classificação: 85%

Para mais informações e atualizações sobre a Temple Gates Games, visite https://www.templegatesgames.com/

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *