Eu Não Reino: Lançamento + Exposição

O décimo livro da colecção de banda desenhada O Filme da Minha Vida, EU NÃO REINO, de Pedro Nora, será apresentado na Sexta-feira, dia 06 de Maio, às 15h00, no Espaço Ao Norte, na Praça D. Maria II, em Viana do Castelo. A colecção faz-se do repto lançado a dez autores portugueses de BD para que produzissem um álbum inspirado num filme que tenha deixado marcas nas suas vidas. Este cruzamento entre a sétima e nona arte é vocacionado para os amantes de ambas.

EU NÃO REINO
#10 COLECÇÃO BD – O FILME DA MINHA VIDA
de Pedro Nora
a partir do filme VAI E VEM, de João César Monteiro
Ao Norte


A apresentação inclui a inauguração da exposição das pranchas originais que deram origem ao livro, que ficará patente no Espaço Ao Norte até dia 31 de Julho de 2011, bem como um Encontro com Pedro Nora e João Paulo Cotrim.

 

 

Para além da BD de Pedro Nora, o livro EU NÃO REINO conta com um texto ensaístico de João Paulo Cotrim sobre a obra e o autor; à semelhança dos restantes livros da colecção.

(…) Se para aquele português, maldito e poeta, o cinema podia bem ser um autocarro forrado a ecrãs, que enquadra o nosso olhar diletante sobre prédios e gentes, corpos e ambientes, para este desenhador político a narrativa gráfica acontece transfigurando em ladrão de imagens fortes. Um carteirista de olho e mão. Ver um filme não se esgota na mera reprodução de cenas. Tal como João César Monteiro desconversa para rasgar sentidos, Pedro Nora desmonta as sequências devolvendo-no-las em ícones, símbolos, desenho puro. Entre o negro primordial e o olho apocalíptico não há espaço para respirar: cada página arde numa afirmação política, poética, todas universais de tão portuguesas. O pombo que estica um pedaço de carne, as formas geométricas que dizem sobe e desce (vai e vem), a negra que se desfaz em fumo, a mão que penetra (tecido, ecrã?), as mulheres e as suas bandeiras, o leão de rugido cristalizado, outra bandeira (nacional e suja) a pistola fumegante, o cálice, a lua bebendo a noite no espelho do rio, a barba e as águas, o falo brutal e mais bandeira (norte-americana), a menina com as pétalas sobre o cadáver, a menina na árvore, a árvore com banco, a árvore como mão aberta, deserta. Alguns momentos remetem para o filme, param-nos para que possamos passear no fotograma, admirar a densidade de um perfil, sopesar um detalhe, a vitalidade de um gesto, beber as palavras segundos antes de explodirem. (…)

  Lançamento: Os Filhos de El Topo: Caim

João Paulo Cotrim, Olhos de Areia, In EU NÃO REINO, de Pedro Nora

Pedro Nora [n. 1977, Vila Nova de Gaia]

Licenciado em Design de Comunicação – arte gráfica, pela Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto. Foi co-editor, em parceria com Isabel Carvalho, do fanzine “ALíngua” (1999-2001) e da revista “Satélite Internacional” (2002-2005). Como autor de banda desenhada participou em várias publicações colectivas nacionais e internacionais, entre 2000 e 2005.
De destacar “Lisboa 24h” (Lx Comics n. 6, Bedeteca, 2000), “Quadrado”, “Strapazin”, “Black” e “Nëlio”. É autor dos livros “Mr. Burroughs”, com argumento de David Soares (versão portuguesa pela Círculo de Abuso, 2000 e versão francesa pela Frémok, 2004), “Metamorfose”, a partir da obra de Franz Kafka (Íman edições, 2001), “Chapéus e Sombras” (MaisBD/Mundo Fantasma, 2003), “Anita O’Day” e “Woody Allen”, ambos com argumento de João Paulo
Cotrim (Éditions Nocturne/Corda Seca, 2005).


O Filme da Minha Vida é o título genérico de uma colecção de banda desenhada que a Associação AO NORTE está a editar.

Esta colecção é o resultado de um desafio lançado aos autores nacionais de banda desenhada, e consiste em criar uma obra a partir de um filme que os tenha deixado marcas. Ao apresentar uma actividade que cruza a banda desenhada, o cinema e a escrita criativa, a Ao Norte pretende propor uma iniciativa com uma evidente carga pedagógica, destinada a todos quantos gostam da sétima e da nona artes, e, principalmente, aos jovens que frequentam o ensino secundário e superior.

Para atingir estes objectivos, cada Filme da Minha Vida implicará a projecção e análise do filme seleccionado pelo autor, a apresentação do livro, a exposição dos originais e um workshop. São convidados a participar neste Artes Visuais, das disciplinas relacionadas com o audiovisual, de comunicação e de Língua Portuguesa.

LANÇAMENTO DO LIVRO + INAUGURAÇÃO EXPOSIÇÃO DESENHOS ORIGINAIS + ENCONTRO
COM A AUTOR > Dia 06 de Maio 15:00 (sede da AO NORTE)

Espaço AO NORTE | Praça D. Maria II, n.º 113, r/c (Viana do Castelo)
Dia 06 de Maio (sexta-feira) às 15h00

Hugo Jesus

Co-criador e administrador do Central Comics desde 2001. É também legendador e paginador de banda desenhada, e ocasionalmente argumentista.

You may also like...