Crítica: Han Solo

Hän Solo Página 2

Antes de mais, desenganem-se aqueles que pensam que este é um livro sobre o “Han Solo” da Guerra das Estrelas em Lisboa. Ainda que haja a referência subtil, estamos obviamente noutro patamar.[fbshare]

Em traços muitos gerais, a história é a de Han, um holandês aspirante a artista que vive em Lisboa. A vida corre bem, tem namorada, mas tudo muda quando este se apercebe que ela não é mulher de um homem só. Han tenta então mudar radicalmente a sua vida.

Hän Solo Página 3Como em histórias anteriores, Rui Lacas dá-nos algo que considero ser complicado ao escrever uma história: escrever algo simples, “vulgar” (no sentido de ser comum) e com que nos podemos identificar. A sua rotina, os seus passos, a forma como olha e anda por Lisboa, é palpável e poética. As ruas, as expressões das pessoas, estão bem caracterizadas e respiram o ambiente de Lisboa. A predominância do verde meio pálido dá um certo ambiente de quotidiano cinzento que contrasta com a atitude do protagonista.

 

Hän Solo Página 4Tem ritmo, uma linguagem atual e natural e consegue acompanhar os tempos recentes que passamos (a questão da crise, das greves…). Não é fácil retratar a rotina e dá-la algum brilho, mas para Rui Lacas, isso parece ser fácil e natural. Sobretudo na

questão das relações pessoais, conseguimos realmente identificar o choque do protagonista, quase como se fossêmos nós. Rui Lacas parece sobrevoar constantemente a sociedade e, aleatoriamente, escolhe uma pessoa e conta um pedaço da sua vida.

  Lançamento: A Loja, de Derradé

Este é um talento raro e deve ser apreciado.

Só não dou nota máxima porque, apesar de tudo, o final não me encheu por completo. Ainda assim, vale a pena ler.

Classificação: 8/10

MP
+ info aqui: http://www.centralcomics.com/2012/05/26/antevisao-han-solo/ 

Capa Hän Solo
Hän Solo
De Rui Lacas
Edições Polvo
Fora de colecção; 24 x 17 cm;
capa em bicromia, com badanas;
64 pág. impressas a 2 cores;
PVP: 9,90 Euros (s/IVA)

Hugo Jesus

Co-criador e administrador do Central Comics desde 2001. É também legendador e paginador de banda desenhada, e ocasionalmente argumentista.

You may also like...