As Novas Aventuras de Bruno Brazil

37 anos depois, o espião Bruno Brazil, está de volta a Portugal com um novo álbum através do lápis de Philippe Aymond e com a escrita de Laurent-Frédéric Bollée, numa edição da Gradiva.

Os agentes da Brigada Caimão, do WSIO, têm em mãos um caso sério de ameaça à segurança nacional.
Pelo meio, todas as componentes que criam um imperdível livro cheio de suspense: crimes sofisticados, acção, pesquisa avançada.

Um thriller por autores com provas dadas na BD de aventura. A ler por toda a família, para descobrir ou redescobrir!

Bruno Brazil é uma série de banda desenhada franco-belga, que iluminou as mentes dos jovens dos anos 70 e 80. Foram onze os livros lançados no seu francês original, por Greg e William Vance. Dez deles entre 1969 e 1977, e 11º apenas em 1995, sempre pela sua dupla criadora belga original. Aliás, o último livro tem mesmo o título “La fin…?!?”.

As Novas Aventuras de Bruno Brazil – Black Program, vol. 1
de Philippe Aymond , Laurent-Frédéric Bollée

  • Edição Janeiro 2020
  • Colecção Gradiva BD – As Novas Aventuras de Bruno Brazil
  • ISBN 978-989-616-950-3
  • Páginas 60
  • Capa Cartonada
  • Dimensões 23,5×31,2
  • PVP: 16.50€

Compra Aqui com 10% Desconto

Os Autores

Philippe Aymond

Nasceu em Paris em 1968 Philippe Aymond optou por uma carreira na Banda Desenhada desde tenra idade e formou-se em belas artes. Em 1989, foi contratado por Jean-Claude Mézières para o estúdio Canal Choc, fundado por Mézières e Pierre Christin. Aymond começou a liustrar de imediato as ilustrar histórias Christin colaboração que durou 10 anos. Em 1994, Christin publicou o inovador L’Homme qui fait le tour du monde na Dargaud, com base nas suas viagens à volta do mundo. Ainda em colaboração com Christin, publicou Les Voleurs de Villes pela Dargaud em 1997. No ano 2000 associou-se a um novo roteirista, Bollée, com quem lançou a saga Apocalypsemania (Dargaud).

  Exposição “10 Anos de Avenida Marginal: Concurso Internacional de Banda Desenhada”

Laurent-Frédéric Bollée

Laurent-Frédéric Bollée nasceu em 1967 em Orléans. Assinou o seu primeiro contrato de roteirista de BD aos 21 anos e publicou seu primeiro álbum em 1990. Desde então, assinou mais de 50 álbuns, com grandes editoras (Dargaud, Glénat, Casterman, Vents d’Ouest…) . A ele se devem os notáveis ​​romances gráficos Terra Australis (com Philippe Nicloux, Glénat, 2013), Prazo (com Christian Rossi, Glénat, 2013), Contrecoups – Malik Oussekine (com Jeanne Puchol, Casterman), além do sexto álbum do prestigiada coleção XIII Mystery (Billy Stockton, com Steve Cuzor, Dargaud). Ele também escreveu as séries Apocalypse Mania (com Philippe Aymond, Dargaud), AD Grand-Rivière (com Al Coutelis, Casterman) e L’Ultime Chimère (com Griffo, Glénat), entre outros.

Hugo Jesus

Co-criador e administrador do Central Comics desde 2001. É também legendador e paginador de banda desenhada, e ocasionalmente argumentista.

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!