Central Comics

Banda Desenhada, Cinema, Animação, TV, Videojogos

Análises: Eiyuden Chronicles: Rising, Metal Max Xeno: Reborn, e outros

Hoje trazemos-vos uma ronda de análises de jogos, destacando Metal Max Xeno: Reborn e Eiyuden Chronicles: Rising, entre outros jogos.

 

Eiyuden Chronicles: Rising (PC, Nintendo Switch, Xbox Series, Xbox One, PlayStation 4, PlayStation 5) – Já Disponível

Eiyuden Chronicles: Rising      

Eiyuden Chronicles: Rising é um caso de videojogo interessante. Especialmente, se tivermos em conta que se trata de um “Jogo companheiro” para Eiyuden Chronicle: Hundred Heroes, que será lançado no próximo ano.

Outra questão diferente entre ambos os jogos é que, mesmo sendo ambos RPGs de ação, acabamos por sentir que são bastante diferentes entre si. Rising, por hora, é um jogo que utiliza muito o gráfico 2D, ao mesmo tempo que nos tenta fazer conhecer o elenco de personagens que irão ser abordadas no Hundred Heroes, tornando-se assim uma espécie de jogo de apresentação.
Eiyuden Chronicles: Rising

Porém, o leitor não se deve deixar enganar, pois, mesmo sendo uma “apresentação” temos aqui uma história completa e que pode ser jogada sem ter em conta o jogo seguinte. Especialmente porque ao ser uma história fechada pode levar a maioria dos jogadores a utilizar este jogo como uma “versão de testes”.

Devo dizer que, ando um pouco saturado de jogar RPGs, mas, com Eiyuden Chronicles: Rising foi diferente! Foi um jogo que me fez querer conhecer as personagens enquanto aproveitava um universo completamente novo e que vale a pena espreitar, nem que seja, para tirar um cheirinho e ficar com o conhecimento de uma nova franquia que promete imenso.

Nota Final: 8/10

Souldiers (PC, Nintendo Switch, Xbox Series, Xbox One, PlayStation 4, PlayStation 5) – Já Disponível

Souldiers

Souldiers chega aos jogadores como um metroidvania diferente do habitual. Neste universo somos transportados para Terragaya, uma terra que existe depois da vida. Porém, a nossa personagem nunca morreu, apenas foi raptada e trazida para essa terra com os seus companheiros.

E se vale a pena visitar Terragaya! Este mundo cheio de paisagens belas e criado de uma forma incrível, apenas em 16 bits é algo de soberbo. Penso que não existiu nenhum momento enquanto jogava em que não parasse para apreciar um pouco da arte que este metroidvania mostra. Todo o jogo está desenvolvido ao mais alto detalhe e é algo realmente belo de se ver.

Souldiers

Porém, não podemos parar por muito tempo para observar o que acontece ao nosso redor, pois as batalhas são ferozes durante a nossa campanha de exploração por Terragaya. Preparem-se, pois vão morrer muitas, mas muitas vezes. Porém, cada vez que tal acontece voltamos mais forte e capazes de derrotar até o inimigo mais agressivo que existe.

A única questão que considero menos boa neste jogo é mesmo relacionada com os quebra-cabeças. Por vezes são em demasia e, ao mesmo tempo, o ponto mais baixo deste jogo que cumpre e diverte bastante.

Nota Final: 7/10

Samurai Riot Definitive Edition (PC, Nintendo Switch) – Já Disponível

Samurai Riot

Samurai Riot é daqueles jogos que olhamos para ele e dizemos “mais um beat’em up”, mas quando vamos observar mais de perto, descobrimos que é muito mais do que isso.

Estamos no Japão Feudal e controlamos, lá está, samurais. Mas é logo aí que começamos a desviarmo-nos da história principal, pois para a completarmos temos 8 finais completamente diferentes entre eles, onde temos que fazer escolhas morais que irão modificar o jogo de cada um. Ou seja, cada jogador vai ter uma experiência diferente a jogar Samurai Riot.

Samurai Riot

Outra vantagem de Samurai Riot, é o facto de cada vez que jogamos mais vamos aprendendo novas formas de combate, o que leva a que cada estilo seja diferente e cada vez mais aprimorado durante o nosso combate. Porém, a grande estrela deste jogo é mesmo o sistema de cooperação. Normalmente, existe um jogador mais fraco do que outro. Neste caso, torna-se diferente porque temos de coordenar os nossos ataques com o nosso parceiro, para sermos recompensados pela forma como trabalhamos melhor.

Samurai Riot torna-se assim uma homenagem aos beat’em up e um jogo acima do esperado deste tipo. Algo a experienciar com um amigo ou familiar, durante uma noite de jogos em qualquer lado.

Nota Final: 7/10





Metal Max Xeno: Reborn (PC, PlayStation 4, Nintendo Switch) – Já Disponível

Metal Max Xeno

Se olharmos atentamente, Metal Max Xeno: Reborn já foi lançado há largos anos. No entanto, apenas foi lançado na PlayStation Vita no Japão e é agora resgatado passado quatro anos.

Passado no universo destruído de Dystokio (sim, eu sei que não é o nome mais original), inicialmente controlamos Talis, um dos sobreviventes da guerra contra as máquinas. É com Talis que temos que explorar este universo, conhecer novas personagens e combater contra máquinas de forma a salvarmos o futuro do mundo.

É no combate e na exploração que Metal Max Xeno se mostra com uma capacidade incrível, com um combate de ação tremendo e que não tem medo de mostrar que as personagens que controlamos ao longo da trama estão prontas para salvar o mundo. Entre elas está Pochi, o cão mais adorável do mundo. Para vos ser honesto, aqui que ninguém nos ouve, foi o meu maior atrativo para jogar este jogo.

Metal Max Xeno

Infelizmente, em termos de inimigos, parece que não houve muita inspiração nos inimigos, já que na sua maioria parecem muito iguais uns aos outros ou, normalmente o que temos em conta como são robôs, nos dias de hoje.

Resta-me concluir que, mesmo que Metal Max Xeno: Reborn, não tenha os melhores inimigos do mundo, continua a ser um jogo de aventura pronto para qualquer jogador que goste de futuros distópicos e…de cães.

Nota Final: 6/10

Ficha Técnica:

Eiyuden Chronicles: Rising

Desenvolvedor: NatsumeAtari
Distribuidor: 505 Games

Souldiers

Desenvolvedor: Retro Forger
Distribuidor: Dear Villagers

Samurai Riot Definitive Edition

Desenvolvedor e Distribuidor: Wako Factory

Metal Max Xeno: Reborn

Desenvolvedor: Kadokawa Games
Distribuidor: PQube

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.