Central Comics

Banda Desenhada, Cinema, Animação, TV, Videojogos

Análise: Rigid Force Redux (Playstation 4)

As saudades que eu já tinha de um bom shoot ‘n up de naves. Após ter experimentado alguns jogos que não me satisfizeram essa fome, chegou Rigid Force Redux na Playstation para me saciar.

Podia-se dizer que era de mau tom dizer que Rigid Force Redux tem muitas semelhanças com R-Type. Estar aqui a escrever uma análise de um jogo comparando-o com outro logo no início do texto podia mesmo ser mal interpretado. Mas neste caso não se preocupem, pois é a própria editora que não tem pudor em dizer que Rigid Force Redux é claramente inspirado no clássico arcade de tiros de 1987.

Rigid Force Redux PS4

Este jogo foi desenvolvido pela com8com1, e todo o seu mecanismo é baseado no motor Unity. A somar aos gráficos interessantes e actualizados (aqui não temos a característica pixelizada retro muito em voga pelos desenvolvedores indie actualmente), com efeitos luminosos de alta qualidade, conta ainda com uma jogabilidade ultra-suave em 60 FPS, em 6 níveis com cenários incríveis e detalhados. Há que dizer também que a banda sonora é o que se quer neste tipo e jogos. Podem contar com synthwave bem mexido, da autoria de DREAMTIME feat. Michael Chait.

Rigid Force Redux PS4

Obviamente que neste tipo de jogos não há muito a inventar a nível de originalidade, mas gosto muito da opção que temos em poder controlar as armas extras à nossa nave em 4 combinações diferentes, entre mais aberto e mais fechado, para a frente ou para trás. E podem crer que vamos usá-las todas mediante as necessidades específicas de cada segmento. Confesso que à primeira pensei que isto só lá estava para me atrapalhar. Mas depois de me habituar aos comandos, percebi que era uma mais-valia.

Rigid Force Redux PS4

Temos também um modo história para tornar tudo mais imersivo, juntamente com os modos Arcade e Boss Rush (que inicialmente se encontra bloqueado). E para cada um podemos ajudar o nível de dificuldade. No modo história temos algumas cenas animadas, incluindo com uma personagem original criada pela mangaka Damurushi, e toda a explicação é feita por uma voz sonora e não com texto. Para mim, este pormenor é sempre um plus. Existem 40 troféus para ganhar, e também aqui outro detalhe que gostei: é que podemos ver quais são eles numa opção do menu do jogo.

Vejam aqui o nosso gameplay original, com comentários:

 Gostava de poder testar num autêntico joystick de arcada para uma experiência ainda mais interessante.

A longevidade de apenas 6 níveis sabem a pouco e o facto de ser tão parecido com R-Type faz-me baixar um pouco na classificação final. Mas se estes pontos não forem assim tão importantes para ti, então podes crer que toda a emoção e acção estão presentes num jogo muito bem-feito e com muitas virtudes.

Rigid Force Redux foi testado numa Playstation 4.

Rigid Force Redux está disponível na PlayStation Store (EU), e também como Digital Deluxe Edition.

Classificação final: 7.5/10

Rigid Force Redux PS4

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *