Central Comics

Banda Desenhada, Cinema, Animação, TV, Videojogos

Que BD portuguesa vai sair em 2021? (Parte 2)

Após um ano atípico devido à pandemia, fomos saber que mais banda desenhada portuguesa está prevista para o ano de 2021.

À conta da ausência de eventos durante a maioria do ano, terá havido muitas publicações que foram adiadas para 2021, por motivos de estratégia promocional ou incapacidade financeira. Mesmo que não reúna todas as obras em preparação, fizemos uma pesquisa para tentar saber aquilo que nos espera o ano que vem. Convém, no entanto, salientar que embora estas obras estejam prontas a editar ou em desenvolvimento para publicar durante o ano, tudo dependerá de como o mercado se realinhar depois que as medidas impostas forem diminuindo de intensidade.

O Corvo vol. 5 (título provisório), de Luís Louro (argumento e arte). Ainda com o título no segredo dos deuses, o autor disse já ter terminado o quinto volume do herói lisboeta, que será novamente publicado pela Ala dos Livros. Louro foi colocando algumas imagens nas suas redes sociais para aguçar o apetite dos fãs e o livro, de 64 páginas, está previsto para ser lançado no Festival Internacional de Banda Desenhada de Beja (FIBDB).

 

Os Covidiotas, de Luís Louro. É isso, mesmo, haverá dose dupla do autor lisboeta em 2021, e ambos na primeira metade do ano. A tira cómica que animou as redes sociais durante muitos meses de pandemia e que integrou a mostra colectiva “30+1: A BD não faz Quarentena!”, vai mesmo ter uma edição física, num livro que terá 80 páginas. Preparem-se para muitas gargalhadas ao revisitar os erros que as pessoas cometeram durante o confinamento, mas não só…!

 

O (in)feliz pacto de George Walden, de André F. Morgado (argumento), marca o regresso do escritor ao sector após A Vida Oculta de Fernando Pessoa, desta vez contando com a arte do brasileiro Rodolfo Oliveira, para contar a história de George Walden, um homem que, para contrariar a sua mente infértil, decidiu fazer um pacto com o Diabo, que o transformou num invulgar vendedor de ideias. Habituado a viver sem grandes surpresas, passa o tempo conformado com a monotonia dos seus dias até descobrir que até mesmo o mais inquebrável destino pode vergar-se ao inesperado. A edição está prevista para o início do 2º semestre de 2021, pelas editoras Bicho Carpinteiro/A Seita.

 

Um Homem sem Medo, de Paulo Monteiro, é um novo livro de banda desenhada deste multi-galardoado autor, com 20 páginas dedicadas ao escritor pós-romântico Fialho de Almeida, popularizado pela obra Os Gatos (1889-1894). A publicação, pela Associação Fialho de Almeida, está prevista para final de Janeiro/início de Fevereiro.

 

 

O Fogo Sagrado, de Derradé. Como é habitual, espera-se mais um livro com muito humor. Este irá misturar tiras cómicas com história continua e era para ser editado em 2020 mas foi adiado, não por causa da pandemia, mas porque o livro ainda não está terminado. Será editado pela Escorpião Azul e terá 64 páginas ou mais. Aguarda-se ainda a provável data de lançamento. A imagem apresentada é a única página terminada com tinta, até ao momento, até à data deste artigo.

 

 

Conversas com os Putos (volume 4), de Álvaro Santos, marca o regresso do artista conhecido pelo seu humor ácido, numa série bem-sucedida no sector, cujas ideias são inspiradas na sua experiência profissional como formador e explicador. Com a obra ainda em produção, não há data de lançamento confirmada nem um título definitivo, mas a editora voltará a ser a chancela do autor, Insónia Edições.

 

Guerra nas Margens do Rovuma, de MAF, será o 3º álbum assinado pelo autor e editado pela Escorpião Azul; um livro que foi antevisto na sua fase inicial na mostra Barreiro IlustraBD, em 2019, e que estava previsto sair em 2020. Este álbum teria até desfrutado do prazo original de lançamento pela sua temática semelhante ao filme “Mosquito”, de João Nuno Pinto, o qual foi exibido há poucas semanas na RTP… Em 1916 a Primeira Guerra Mundial chega a Moçambique, é um conflito para o qual Portugal não está preparado, não por falta de homens, de armas e munições, nem de mantimentos ou medicamentos, mas sim de treino, organização, disciplina, higiene e capacidade de enfrentar um génio militar vindo da Alemanha.

 

Onna-Bugeisha, de João Gordinho, marca o retorno do autor ao Japão feudal, anteriormente explorado no seu contributo para a mega-antologia Humanus, da editora Escorpião Azul. A narrativa, essencialmente visual, gira em torno de um casal de classes diferentes, cujo amor impossível terá com certeza um desfecho dramático e repleto de acção. O álbum tem publicação prevista para o último trimestre de 2021.

 

Um Trovão no Caminho e Outras Histórias, de António Rocha, será uma antologia de várias histórias escritas e desenhadas pelo autor, de temáticas variadas, numa colectânea de 120 páginas. Muito se poderá encontrar nesta colectânea desde o arquétipo do bom selvagem representado no estilo “sword and sorcery”, uma derivação da “Guerra dos Mundos” ou a solidão do espaço sideral. Narrativas para reflectir sobre a nossa existência, ou, se quiser, apenas para passar umas horas divertidas de leitura.

 

E na vertente de antologias, há novamente um bom leque de novidades a listar:

Umbra vol.3, com coordenação do autor/editor Filipe Abranches, estará de regresso com o seu terceiro número mesmo a tempo da Primavera (cronológica e metaforicamente). Com uma história confirmada do autor canadiano Simon Roy e outra inédita de Filipe Abranches, o volume incluirá três histórias adicionais, inéditas e por autores portugueses, que estão actualmente em produção para entrar neste pequeno universo de ficção científica, weird fiction e fronteiras passadas.

 

O projecto comemorativo Fantasia: 25 Anos é uma edição limitada pelo grupo que em 1995 criou o primeiro colectivo de banda desenhada ao estilo dos comic-books no país, o Fantasia Estúdio, e que celebrou este ano o 25º aniversário. Após a retrospectiva do grupo na sua página de Facebook, visitando as primeiras edições e as personagens do universo criativo partilhado, os autores Ana Freitas, Daniel Maia, Eliseu Gouveia, Fernando Lucas, Pedro Potier e Rui Filipe, colaboraram com ilustrações colectivas que celebraram a data. De seguida, com o membro honorário Tiago Tavares, será publicada uma BD colectiva do “fantasiverso”; a edição está prevista para o 2º semestre.

 

Depois do hiato em 2020, o fanzine antológico Venham +5 regressa com o #11, previsto para Maio. A edição-estandarte do FIBDB celebraria quinze anos de publicação em 2020 e consta entre os mais duradouros fanzines do mercado nacional, tendo publicado diversas obras curtas vencedoras em prémios da comunidade bedéfila portuguesa. O alinhamento autoral irá contar com André Ferreira, Andrew Smith, Carlos Páscoa, João Laia, Rita Cortês, Susa Monteiro, Véte e Zé Maria, entre outros.

 

Outras Bandas #3 Por último, outro fanzine antológico com actividade prevista para 2021 é o Outras Bandas, pelo colectivo informal Tágide. O grupo, que conta com a intervenção de cerca de vinte artistas da margem sul, prevê publicar entre 5 a 6 números em 2021, sendo metade dedicados a BD e a outra metade a ilustração. Com os Outras Bandas #5 e #6 praticamente completos, o Tágide antecipa lançar dois números focados em desenho e ilustração durante o verão e voltar a focar-se em bandas desenhadas nos últimos trimestres.

 

E com estes destaques fechamos as previsões de edições de BD para 2021. Fora as trinta obras que indicámos nas 2 partes do artigo, temos conhecimento de outras dez produções que, por um motivo ou outro, optaram por não constar nas listas, mas que asseguramos serão do agrado dos leitores! Mais uma vez, advertimos que dado o próximo ano ser ainda uma incógnita e que nenhuma destas publicações estão seguras de chegar às mãos do público até que o mercado seja reactivado ou que as medidas de condicionamento social possam ser levantadas, todas as menções podem não passar de miragens de fanboy. Mas esperamos que elas tenham sido suficientes para deixar os leitores expectantes de que 2021 poderá ser realmente bem melhor do que 2020!


Esmiuçando as edições PANINI COMICS BRASIL

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *