Crítica: Haikyuu!! Episódio 1 – Temporada 4

Hinata, Kagayama e os restantes membros do clube de voleibol de Karasuno voltam para a quarta temporada de Haikyuu!!, intitulada de “Haikyuu!! TO THE TOP”.

Neste caso, a temporada será dividida em duas partes, tendo a primeira estreado no dia 10 de janeiro com episódios semanais e, a segunda parte da temporada será lançada no verão de 2020. Antes de começar a fazer a análise ao primeiro episódio, deverei alertar os nossos leitores que poderão deparar-se com alguns spoilers relacionados com a série em geral e com o episódio exibido no passado dia 10 de janeiro.

O episódio começa dias depois dos eventos da terceira temporada e, com Hinata a regressar à escola. Logo de início, podemos ver novamente a grande rivalidade de Hinata e Kagayama. Continua delicioso ver a rivalidade entre ambos e depois verificar que conseguem fazer um trabalho de equipa fantástico. Mas, o grande destaque para este início de temporada tem mesmo que ser um simples cartaz. Sim, um simples cartaz que coloca Hinata na posição do seu grande ídolo, o “Pequeno Gigante”. Acho interessante durante a animação fazerem estas pequenas comparações pois são sempre importantes.

E se, em termos de história continuamos a ter algo sólido, agora com Hinata a notar que tem colegas que estão bastante à sua frente em termos de qualidade como jogadores e a serem convidados para treinos específicos, enquanto ele nota que começa a ficar para trás, a real estrela deste episódio foi a animação. No fundo, estamos perante um caso de simples e bonito. Nota-se que a produção é grande, mas, o que mais se nota é as expressões das personagens. O facto de até personagens que devemos ter em conta como figurantes, conseguirem exibir expressões bastante fiéis é de deixar qualquer um com água na boca.

No entanto, o que vai levar qualquer fã à loucura vai ser o final do episódio. Deixar fãs com finais em aberto é sempre bom, mas fazer-nos perguntar “O que raio vai acontecer?” ou “Bolas Hinata, ainda agora regressaste e já foste fazer asneiras?” são perguntas que vão passar na mente de qualquer espectador.

Por fim, gostaria de falar da música.  As músicas ao longo do episódio são as habituais, mas isso quer dizer que a banda sonora da série mantém-se bastante boa para o tema. Mas, os grandes destaques vão para os temas de abertura e encerramento. Por um lado, como música de abertura temos “PHOENIX” dos BURNOUT SYNDROME, uma banda que não é desconhecida do universo Haikyuu, mas a realidade é que a música fica bastante atrás das dadas pela banda como “FLY HIGH!!”  e a fantástica “Hikari Are”. No entanto a “Kessen Spirit” de CHiCO with HoneyWorks e que dá lugar ao tema de encerramento é algo de fantástico. Se há músicas boas em Haikyuu, esta facilmente entra no top 3 de tão boa ser.

Resta concluir que, Haikyuu está de volta e que têm muitas surpresas reservadas para nós. Agora é esperar para ver todas as sextas-feiras as aventuras da equipa de voleibol mais famosa da animação japonesa e dos seus rivais.

António Moura

Um pequeno ser com grande apetite para cinema, séries e videojogos. Fanboy compulsivo de séries clássicas da Nintendo.

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *