Cinema: Crítica – A Senhora da Furgoneta

Baseada numa história Surreal, A Senhora da Furgoneta de Alan Bennett, chega ao cinema com a assinatura de Nicholas Hynter. [fbshare]

ladyinthevan1A longa-metragem, baseada em factos reais, fala-nos de uma Senhora (Maggie Smith), a titular dona duma Furgoneta, uma peculiar mulher que acaba por estacionar o seu refúgio numa rua qualquer onde vive um tal de “Alan Bennett” (Alex Jennings), um escritor demasiado preguiçoso para se ver livre desta Senhora Shepherd. Ambos acabam por formar uma estranha amizade nestes 15 anos que o filme resume.

“A Senhora da Furgoneta” não é um filme “típico”, é guiado pela história, mas são as representações queladyinthevan2 realmente valem a pena. Os actores são espectaculares e a realização de Hynter, habitual parceiro de Bennett, não fica muito atrás. Com isso dito não consigo expandir mais. A história tem momentos muito parados, pontos em que a falta de informação se torna frustrante… Compreende-se que a história enraizou-se em acontecimentos reais, porque o filme consegue ser monótono, valha-nos, no entanto, o típico humor que se mantém bastante vivo pelo filme fora.

Um filme curioso que vale a pena ver, nem que seja pelo fantástico trabalho do elenco.

starz1

Henrique Correia

  Filme "Fátima", uma co-produção portuguesa com estreia nos Estados Unidos!

Henrique Correia

Jovem dos 7 ofícios com uma paixão enorme por tudo o que lhe ocupe tempo. Jedi aos fins-de-semana!

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *