BD: Lançamento – Arqueiro Verde Os Caçadores (Colecção Super-Heróis DC Comics)

Nesta Quinta-feira – 26 de Setembro de 2013 – sai o décimo segundo volume da colecção Super-Heróis DC Comics, com o jornal Público. O Central Comics apresenta aqui a sinopse e as primeiras 6 páginas, capa e contra-capa.[fbshare]

Oliver Queen é o Arqueiro Verde, mas o que ele deseja acima de tudo é refazer a sua vida com Dinah Lance, a Canário Negro, e encontrar a paz que sempre lhe escapou. mas numa sequência de acontecimentos brutais, terá de enfrentar o sub-mundo da droga e a temível assassina Shado, e aceitar o seu destino como super-herói.

Capa e contra-capa
(clica nas imagens para ampliar)

arqueiro verde os caçadores

O Lobo Mau

Esta história do Arqueiro Verde veio estabelecer a personagem no universo DC depois dos eventos da Crise nas Terras Infinitas. Com argumento e desenho do talentoso Mike Grell, foi considerada uma das histórias mais marcantes – e chocantes! – dos comics dos anos 80.

As primeiras 6 páginas
(clica nas imagens para ampliar)

 arqueiro verde os caçadores página 1 e 2 arqueiro verde os caçadores página 3 e 4 arqueiro verde os caçadores página 5arqueiro verde os caçadores página 6

Arqueiro Verde Os Caçadores
Colecção Super-Heróis DC Comics vol. 12

cor, capa dura
Levoir/Público
PVP: 8.90€ + Público
Nas bancas a partir de 25 de Setembro 2013

The Longbow Hunters #1 a 3
Mike Grell

  Banda Desenhada Gótica - Sugestões de Halloween

Hugo Jesus

Co-criador e administrador do Central Comics desde 2001. É também legendador e paginador de banda desenhada, e ocasionalmente argumentista.

You may also like...

10 Responses

  1. enanenes diz:

    Em Portugal, esta minissérie em 3 números chegou às bancas no segundo semestre de 1989, graças à importação das revistas brasileiras da Editora Abril. A série tinha a designação “de luxo” não só devido à qualidade do papel mas também ao formato norte-americano, ao invés do denominado “formatinho”.
    O sucesso da minissérie fez a Abril avançar com uma série mensal homónima em formato norte-americano (que durou 15 números), onde publicaram histórias do Arqueiro Verde, Batman, Questão, Sombra, Mulher-Gato, Falcão Negro e Canário Negro, a qual foi também distribuída em Portugal…

  2. Este é sem dúvida alguma um dos piores números da colecção da DC.

    Não acredito que não se encontrasse algo mais actual e interessante para publicar.

    A arte então é do mais enfadonho que já vi.

    Em vez disto estou-me a lembrar da fase do Kevin Smith com o Phil Hester, Green Arrow ‘Quiver’ (eu sei, são 10 números, mas podia ser complementado com a ‘morte’ do Arqueiro Verde que de certa maneira é o motivo do Quiver) que é o melhor trabalho do argumentista de sempre ou a recente ‘Year One’ da autoria do original artista Jock e do argumentista Andy Diggle (a mesma equipa da série Vertigo Losers).

    A meu ver esta colecção está a pecar por a balança estar a pender mais para o lado dos clássicos do que para as novas tendências.

    A colecção da Marvel estava mais equilibrada e não admira que tenha atraido muitos mais leitores novos.

    Enfim, não se pode ter tudo.

  3. BURNBABBYBURN diz:

    eu acompanho esta coleçao e os novos 52 ultimamente
    alguem me sabe dizer se alguma saga dos novos 52 necessita de seguir alguma ordem se sim quais pf 😀

  4. Manel diz:

    Por incrível que pareça ,já li o mais diverso tipo de bds desde que era puto e nunca tinha ouvido falar no Arqueiro Verde!!

    Li o número anterior, do Lanterna Verde com o Arqueiro Verde e gostei bastante, este tambem não me desiludiu. Ou seja foi uma surpresa pela positiva. Por incrível que pareça o que gostei menos até agora foram as crises nas terras infinitas. Demasiado “chato” e não gosto do desenho das bds.

  5. Reignfire diz:

    BURNBABBYBURN, as linhas do Lanterna Verde e o Batman em Novos 52, são uma continuação do que acontecia antes de Novos 52.

    Relativamente a Green Lantern, tens aí nesse link abaixo, a sequência de livros em inglês desde o renascimento de Hal Jordan como Lanterna Verde. O que está em n.º 11 também irá sair na coleção Levoir/Público.

    http://www.comicvine.com/profile/cubicturtle/lists/green-lantern-reading-order-list/42561

  6. Reignfire diz:

    Relativamente a Batman, pode-se começar bem desde o início de Novos 52.

  7. BURNBABBYBURN diz:

    mt obg eu o batman tambem ja conheço +/- bem a historia qt ao super homem posso ler o action comics e dps mini serie sem problemas?
    e ouvi dizer tb que a serie do aquaman estava espetacular nos new 52

  8. BURNBABBYBURN diz:

    muito obg hugo jesus comecei com a leitura do action comics e achei um bocado chato no 8 issue o inicio foi bom ate
    quanto a liga da justiça e a liga da justiça da america estao brutais estou a adorar ambas as series agr tenho de ler o aquaman pq vai haver crossover 🙂
    para pessoas como eu que sao “novas” a ler comics so andava a ler msm os das coleçoes da levoir tanto da marvel como da dc e a ver os filmes dos personagens tenho a dizer que este reboot da dc foi bem aplicado para novos leitores mas para aqueles que ja seguiam as series acredito que deve ter sido um bocado de lidar gostava que as pessoas contribuissem sempre com as suas opinioes neste site quanto aos comics se alguem souber outro site para ler varias opinioes e podesse deixar ai agradecia 🙂 e agradeço desde já as respostas dos outros utilizadores que me ajudaram

  1. 26 de Setembro de 2013

    […] Super-Heróis DC Domics 11 FLASH RENASCER Ele sacrificou a vida para salvar todo um universo! Agora, Barry Allen, o Flash original, regressou de forma misteriosa e tenciona recuperar o tempo perdido. Só que o mundo mudou e não lhe será fácil redescobrir o seu lugar nele, porque o regresso do Flash pode bem ser o prenúncio de uma terrível ameaça… Flash: Renascer é um marco na carreira da personagem, no qual o conceituado argumentista Geoff Johns e o artista Ethan van Sciver devolvem um dos mais emblemáticos heróis da DC às luzes da ribalta. Pode visualizar uma antevisão, colocada por Hugo Jesus no site CentralComics aqui e ler a versão uncut do texto de apresentação do volume de Filipe Farias no blog de João Miguel Lameiras Por um punhado de imagens aqui. Super-Heróis DC Domics 12 ARQUEIRO VERDE OS CAÇADORES Oliver Queen é o Arqueiro Verde, mas o que ele deseja acima de tudo é refazer a sua vida com Dinah Shore, a Canário Negro, e encontrar a paz que sempre lhe escapou. Mas numa sequência de acontecimentos brutais, terá de enfrentar o sub-mundo da droga e a temível assassina Shado, e aceitar o seu destino como super-herói. Esta história do Arqueiro Verde veio estabelecer a personagem no universo DC depois dos eventos da Crise nas Terras Infinitas. Com argumento e desenho do talentoso Mike Grell, foi considerada uma das histórias mais marcantes – e chocantes! – dos comics dos anos 80. Pode visualizar uma antevisão, colocada por Hugo Jesus no site CentralComics aqui. […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *