Central Comics

Banda Desenhada, Cinema, Animação, TV, Videojogos

Arte de Autor e A Seita anunciam 7 BD em conjunto

As editoras Arte de Autor e A Seita, que já fizeram algumas parcerias em editar em conjuntos alguns livros, anunciam 7 novas obras de banda desenhada para 2022 e 2023.

São sete livros, distribuídos entre o segundo trimestre do ano (o “O Fado Ilustrado” e “O Combate Quotidiano” serão editados entre Abril e Junho) e o último trimestre de 2022 e primeiro de 2023 (para os outros), que esperam poder satisfazer os nossos leitores e fãs com mais e melhor BD!

Essa cooperação nasceu de uma conversa fortuita durante o Festival de BD de Angoulême, em Janeiro de 2020, em que se deram conta de que ambas as editoras estavam a tentar comprar os direitos dos mesmos livros. Dessa conversa surgiu a ideia de, em vez de competiem e entrarem numa espécie de leilão, podiam colaborar e coeditar esse livro.
 
Daí nasceu o primeiro livro em conjunto, “Shanghai Dream”, de Jorge Miguel e Philippe Thirault, e a intenção de editar outros livros, consoante os projectos editoriais de cada uma das editoras.
 
Em 2021 continuaram a colaborar e saiu mais um livro de Jorge Miguel, desta feita “Sapiens Imperium” (escrito por Sam Timel). Seguiram-se “Os Olhos do Gato”, de Moebius e Jodorowsky, e “O Combate Quotidiano vol. 1” de Manu Larcenet (o primeiro volume)..
 
Obtendo sucesso, decidiram continuar a editar a obra de Jorge Miguel em Portugal, e concluir “O Combate Quotidiano”. Mas não ficarão por aqui e decidiram juntar forças para mais uma série de livros em 2022 e 2023!
 
Uma das novidades é “Noir Burlesque” de Marini, um policial negro e pulp, ambientado nos anos 1950, que junta paixão, crime, ciúme e vingança numa história que é, como o diz o Le Figaro, “a sua homenagem pessoal ao cinema de Hollywood dos anos 50”. Um álbum a preto, branco e vermelho!
 
 
Antecipamos o lançamento do primeiro álbum (de dois) durante o último trimestre do ano.
 
Zidrou é um dos autores favoritos de ambas as editoras, do qual já lançaram várias obras, e como o argumentista tem várias histórias completas e por isso vão continuar a publicá-lo numa espécie de colecção. Assim, no final do ano vai sair “Naturezas Mortas”, com arte do espanhol Oriol…
 
 
… a que se seguirá em inícios de 2023 “Emma G. Wildford”, ilustrado por Edith. 
 
Emma G. Wildford
 
Para o final do ano chega em álbum completo, uma história fechada, “O Cavaleiro do Unicórnio”, uma saga medieval com toques de fantástico e em tons de alegoria sobre a violência, com argumento de Stéphane Piatzszek e arte de Guillermo Gonzalez Escalada.
 
O Cavaleiro do Unicórnio
 
Com lançamento previsto para inícios de 2023, é a vez de um dos grandes sucessos em França nos últimos anos, e que promete ser muito original: “Na Cabeça de Sherlock Holmes” de Cyril Liéron e Benoit Dahan.
 
Na Cabeça de Sherlock Holmes
 
Um álbum que reúne os dois primeiros volumes da série num livro com mais de 100 páginas que apresenta “O Caso do Bilhete Escandaloso” numa integral com a qual mergulhamos (literalmente!) na cabeça do detective de Conan Doyle.
 
A estes livros juntam-se então “O Fado Ilustrado”, a reedição da obra de Jorge Miguel, que segue a história e os meandros da Lisboa do fim do século 19 no célebre através do quadro “O Fado” de Malhoa;
 
Fado Ilustrado
 
E o segundo e último volume de “O Combate Quotidiano” de Manu Larcenet, uma das obras-primas deste grande autor franco-belga contemporâneo.
 
O Combate Quotidiano vol. 2

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.