Central Comics

Banda Desenhada, Cinema, Animação, TV, Videojogos

Antevisão: II Raide Macau – Lisboa em Banda Desenhada

II Raide Macau – Lisboa, é um novo projecto de banda desenhada que está a ser desenvolvido para um lançamento ainda neste ano de 2022.

Desde há mais de 500 anos que Macau tem sido uma ponte entre o Portugal e a China, Ocidente e o Oriente, contribuindo para a amizade entre os povos.

II Raide Macau - Lisboa em Banda Desenhada

Em 1990, uma equipa de 10 aventureiros, que juntou portugueses, chineses e russos, ligou Macau e Portugal por terra, distribuindo entre a população, durante toda a viagem, informação sobre Macau (livros, folhetos, lembranças do Grande Prémio de Macau, etc), bem como oferecendo em diversas bibliotecas da China, URSS e Hungria publicações sobre as relações entre Portugal e a China.

A ideia também passou por reeditar, pela primeira vez, o célebre Raid Pékin – Paris, que acontecera em 1907. Desde essa altura que a Rússia Ksarista e depois a URSS, não possibilitavam que viaturas particulares estrangeiras atravessassem o seu imenso território, para além das constantes dificuldades em atravessar a República Popular da China.

II Raide Macau - Lisboa em Banda Desenhada

Dessa viagem foi realizado um filme, que passou na RTP2 e em televisões de todo o mundo, estando também prevista a edição de um livro, que celebrará os 30 anos passados sobre essa grandiosa viagem.

É agora altura para divulgar mais uma forma de celebrar este feito importante para o automobilismo português e mundial: trata-se da edição de um álbum em banda desenhada, que deverá ser apresentado no Festival Internacional de Banda Desenhada na Amadora de 2022.

Este álbum será um registo histórico pertinente que, através da banda desenhada, procurará aliciar miúdos e graúdos a conhecerem mais sobre uma viagem épica, que, atravessando toda a China e diversas Repúblicas da antiga URSS, agora países, além da Europa de “ponta a ponta”, mostrando que a união entre povos de culturas diferentes é possível e desejável.

II Raide Macau - Lisboa em Banda Desenhada

O álbum terá cerca de 72 páginas, com as medidas de 24,5 cm de largura por 25 cm de altura. Para além das páginas de banda desenhada, com vários episódios da longa viagem, o livro irá conter um texto sobre o automobilismo na BD, informação sobre o raide Macau – Lisboa e sobre os raidistas e autores dos desenhos e guião.

As vinhetas já finalizadas, aqui apresentadas, foram ilustradas por Fil e coloridas pela Sofia Pereira, em colaboração com a Associação Tentáculo . Outros ilustradores irão também participar na criação das próximas vinhetas. O guião foi preparado pelo Marco Fraga da Silva, em colaboração e com base em textos de Joaquim Correia.

O álbum será bilingue: português e chinês e estará disponível em livrarias de Portugal e Macau.

II Raide Macau - Lisboa em Banda Desenhada

Em colaboração com a Fundação Oriente, o projeto será apresentado em escolas de Portugal e Macau, realçando a importância de circular/viajar livremente e sublinhando que a inevitável globalização deverá passar pelo respeito pelas especificidades de cada país ou região.

Nestes tempos conturbados e de alterações geoestratégicas entre a Europa e a Ásia, designadamente através do incremento da Nova Rota da Seda e das convulsões na Ásia Central – áreas que o Raide atravessou e que são abordadas na história da viagem – pensamos ser uma edição muito oportuna e de evidente significado histórico.

Acresce que, em banda desenhada, não temos conhecimento de qualquer revista ou livro que conte a história de expedição semelhante ao II Raide Macau – Lisboa!

Juntamente com algumas vinhetas que aqui reproduzimos relativamente ao Raide, mostramos também, como curiosidade, o desenho incluído na capa de uma das edições do livro sobre o Raid Pékin – Paris, da responsabilidade de Cormier, um dos concorrentes, que conta toda a viagem de 1907:

Raid Pékin - Paris

One thought on “Antevisão: II Raide Macau – Lisboa em Banda Desenhada

  1. Muito obrigado pela recordação e apresentação. Sempre pela Paz, pela união, fraternidade, solidariedade e por esta vontade portuguesa de conhecer, ligar e inventar novos mundos. Saúde e amplexos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.