Cinema: 3ª Edição Prémios Shortcutz Lisboa

Realiza-se, no dia 23 de Fevereiro no Musicbox, a 3.ª Edição dos Prémios Shortcutz Lisboa, movimento internacional de divulgação de curtas-metragens powered by Jameson Portugal, que distinguirá o melhor das curtas portuguesas que estiveram em competição durante o ano passado nas sessões semanais do Bicaense Bar, com um total de 17 categorias e mais de 40 nomeados: desde realizadores, actores e músicos, a muitos profissionais que fazem o cinema português acontecer.[cartaz_finalfbshare]

Na noite mais longa das curtas, será entregue o prémio à Melhor Curta do Ano e à Melhor Curta Shortcutz Network, onde competem as melhores curtas das cidades que fazem parte do movimento – Lisboa, Porto, Londres, Berlim –, entre outras categorias que visam premiar um género cinematográfico que normalmente não é contemplado, designadamente Melhor Actor, Melhor Actriz, Melhor Música Original, Melhor Produção, Melhor Fotografia e Melhores Efeitos Visuais.

Figura Shortcutz e Prémio Futuro

Os vencedores de cada categoria são eleitos pelo júri do Shortcutz Lisboa, constituído por 18 nomes reconhecidos no meio cinematográfico, jornalístico e musical português. Mas, nesta noite, são também atribuídos dois prémios da exclusiva responsabilidade da equipa do Shortcutz Lisboa: Figura Shortcutz, que este ano distingue o IndieLisboa – Festival Internacional de Cinema Independente, pelo trabalho desenvolvido desde há dez anos na promoção do cinema português, na formação de públicos e na dinamização cultural da cidade; e Prémio Futuro, que nesta edição será entregue à Zon Audiovisuais, como forma de reconhecimento e incentivo ao esforço que a distribuidora tem dedicado, sobretudo no último ano, à exibição de filmes portugueses nas salas nacionais, tendo alcançado já resultados inéditos neste sector ainda embrionário em Portugal.

 

Jameson Empire Awards Done in Sixty Seconds

À semelhança da última edição dos Prémios Shortcutz Lisboa, será entregue o prémio ao vencedor português do “Jameson Empire Awards Done in Sixty Seconds”, que irá representar o nosso país na grande final em Londres. É a segunda vez que Portugal entra neste prestigiado concurso internacional, tendo tido este ano a participação de 27 filmes a concurso. O vencedor é eleito pelo júri do Shortcutz Lisboa, parceiro na promoção e exibição das curtas a concurso, cujo conceito é fazer um remake de 60 segundos de um filme já creditado.

http://www.jamesonempirediss.com/

Na entrega dos galardões, a par da presença de muitos convidados do panorama artístico e criativo português, está confirmada a presença de Jan Harlan, um dos produtores executivos de Stanley Kubrick em alguns dos mais aclamados filmes do realizador: Barry Lyndon (1975), The Shining (1980), Full Metal Jacket (1987), Eyes Wide Shut (1999), A Clockwork Orange (1971). Foi também o produtor executivo de Steven Spielberg em Artificial Intelligence: AI (2001).

A festa dos prémios – música e poesia

leandro2Nem só de nomeações e prémios vive este evento anual do Shortcutz Lisboa.
Leandro Morgadoperformer e spoken word artist, abrirá a cerimónia com um momento exclusivo de poetry slam dedicado ao cinema.

Na noite de 23 de Fevereiro, sobe ainda ao palco do Musicbox um nome da nova música portuguesa – Alex D’Alva Teixeira, convidado pelo Offbeatz(http://offbeatz.com), projecto que todas as quartas-feiras no Musicbox dá visibilidade aos talentos da nova música portuguesa e parceiro privilegiado, já que juntamente com o movimento Shortcutz faz parte do Labz, uma plataforma internacional da Subfilmes Creative Network, de divulgação de talentos na área da cultura urbana.

Offbeatz, que tem ainda reservado um outro momento musical para a ocasião, com um convidado surpresa em registo acústico, vai também entregar o prémio de Melhor Videoclip do Ano, escolhido entre os seguintes finalistas das suas sessões: Macacos do Chinês (“Selva”), Stereoboy (“M-1”), 2 x os Youthless (“Monsta e Drugs”), A Armada (“Charanga é Rock n’ Roll”), Moonspell (“Lickanthrope”), PZ (“Croquetes”), DA CHICK (“Cocktail”) e Dj Ride (“Here Before”).

Depois de entregues os prémios, e até às 4h: DJ set com A Boy Named Sue & Nunchuck. O conhecido DJ de Coimbra e o realizador Eduardo Morais – autor do documentário sobre a história do rock português “Meio Metro de Pedra” –, com o alter ego Nunchuck, juntam-se nesta noite para partilhar a cabine do Musicbox.

  Margot Robbie assume o regresso de Tank Girl aos cinemas

Hugo Jesus

Co-criador e administrador do Central Comics desde 2001. É também legendador e paginador de banda desenhada, e ocasionalmente argumentista.

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *