Central Comics

Banda Desenhada, Cinema, Animação, TV, Videojogos

1º Concurso de BD Avenida Marginal

avenida marginalEste concurso é direccionado a todos os amantes da arte da BD que residem em Portugal. Tem lugar na ilha do Faial e deseja dinamizar em paralelo a BD local e regional, contando para o efeito com três prémios específicos para autores açorianos. Os outros três prémios são para autores nacionais.

O tema desta primeira edição é livre, de forma a estimular a criatividade de quem quer contar uma história com recurso ao desenho e/ou outras técnicas de expressão artística – fotografia, pintura, etc. Todos os concorrentes serão desafiados a contarem uma história, um momento, um pensamento, um conceito recorrendo a uma única prancha, formato A3 ou A4. Os trabalhos seleccionados farão parte de uma exposição colectiva que decorrerá na ilha do Faial e depois estará patente na galeria do Instituto Politécnico de Beja.

2. OBJECTIVOS DO CONCURSO
a) Dinamizar a cultura da BD no panorama nacional.
b) Promover a expressão artística.
c) Divulgar autores de BD açorianos.
d) Valorizar a cultura açoriana.
e) Fortalecer hábitos de leitura.

3. DESTINATÁRIOS
a) Autores naturais dos Açores.
b) Autores nacionais.

4. ESCALÕES ETÁRIOS
a) No primeiro escalão poderão competir todos os autores maiores de 20 anos.
b) No segundo escalão poderão participar os autores com idades compreendidas entre os 16 e os 19 anos.
c) No terceiro escalão poderão participar todos os autores com idade inferior a 16 anos.
d) Conta a idade do autor na data em que envia o trabalho a concurso.

4. PRAZO DE ENTREGA
Os trabalhos deverão ser remetidos para bd.avenidamarginal@sapo.pt até ao dia 15 de Novembro de 2009.

5. PRÉMIOS

a) PRÉMIO AUTOR NACIONAL DE BD
Dirigido a todos os autores com mais de 19 anos. O vencedor receberá um diploma e vários livros de autores açorianos, juntamente com a colecção Toupeira e Venham+5, oferta da Bedeteca de Beja . O seu trabalho estará presente na exposição pública a realizar no mês de Dezembro no Centro do Mar, ilha do Faial e na galeria do Instituto Politécnico de Beja.

b) PRÉMIO AUTOR AÇORIANO DE BD
Dirigido a todos os autores com mais de 19 anos. O vencedor terá o seu trabalho publicado na edição de Natal do jornal Avenida Marginal. Receberá também um diploma e vários livros de autores açorianos, juntamente com a colecção Toupeira e Venham+5, oferta da Bedeteca de Beja. O seu trabalho estará presente na exposição pública a realizar no mês de Dezembro no Centro do Mar, ilha do Faial e na galeria do Instituto Politécnico de Beja.

d) PRÉMIO JOVEM AUTOR NACIONAL DE BD
Reservado a autores com idades compreendidas entre os 16 e os 19 anos. O seu trabalho estará patente na exposição pública a realizar no mês de Dezembro no Centro do Mar, ilha do Faial e na galeria do Instituto Politécnico de Beja, recebendo ainda um diploma e vários livros de autores açorianos, juntamente com a colecção Toupeira e Venham+5, oferta da Bedeteca de Beja .

e) PRÉMIO JOVEM AUTOR AÇORIANO DE BD
Reservado a autores açorianos com idades compreendidas entre os 16 e os 19 anos. O seu trabalho estará patente na exposição pública a realizar no mês de Dezembro no Centro do Mar, ilha do Faial e na galeria do Instituto politécnico de Beja, recebendo ainda um diploma e vários livros de autores açorianos, juntamente com a colecção Toupeira e Venham+5, oferta da Bedeteca de Beja .

f) PRÉMIO MINI AUTOR DE BD
Dirigido a autores mais jovens, com idade igual ou inferior a 15 anos. O vencedor receberá um diploma e vários livros de autores açorianos, juntamente com a colecção Toupeira e Venham+5, oferta da Bedeteca de Beja . O seu trabalho estará presente na exposição pública a realizar no mês de Dezembro no Centro do Mar, ilha do Faial e na galeria do Instituto Politécnico de Beja.

g) PRÉMIO MINI AUTOR AÇORIANO DE BD
Dirigido a autores açorianos mais jovens, com idade igual ou inferior a 15 anos. O vencedor receberá um diploma e vários livros de autores açorianos, juntamente com a colecção Toupeira e Venham+5, oferta da Bedeteca de Beja . O seu trabalho estará presente na exposição pública a realizar no mês de Dezembro no Centro do Mar, ilha do Faial e na galeria do Instituto Politécnico de Beja.

Observações:
1. Se o júri assim o entender poderá atribuir Menções Honrosas.
2. Os concorrentes serão previamente avisados, por e-mail, dos resultados do concurso.
3. São aceites trabalhos individuais e colectivos desde que respeitem os escalões etários.
4. Conta a idade do autor na data em que envia o trabalho a concurso.

6. EXPOSIÇÃO COLECTIVA/ PUBLICAÇÃO NO SITE
a) Os trabalhos serão expostos, no Centro do Mar, de 27 de Dezembro de 2009 a 10 de Janeiro de 2010.
b) Os trabalhos serão expostos na Galeria do Instituto Politécnico de Beja em data a ser marcada brevemente.
c) A organização responsabiliza-se pela divulgação da exposição.
d) A organização responsabiliza-se pela selecção e impressão dos trabalhos que farão parte da mostra.
e) Todos os trabalhos enviados para o concurso serão publicados no site numa edição virtual.

7. SOBRE O TRABALHO
a) O tema é livre.
b) Cada trabalho será constituído por uma única prancha nos formatos A4 ou A3.
c) O concorrente poderá entregar mais do que um trabalho.
d) O concorrente deverá indicar o nome, a idade, o seu contacto e morada de residência no corpo do mail anexando o trabalho à mensagem.
e) Nos projectos colectivos os concorrentes deverão enviar as informações de todas as pessoas envolvidas.
f) Serão excluídas pranchas que contenham erros ortográfico.
g) O júri aceita trabalhos inéditos ou publicados.

8. IMPOSIÇÕES TÉCNICAS
a) O ficheiro deverá estar em formato JPEG (*.JPG; *.JPE).
b) Aconselha-se que o ficheiro tenha 300 DPI’s de resolução.
c) A prancha poderá ter o número de vinhetas que o autor desejar.
d) O trabalho poderá ser a cores ou a preto e branco.
e) O trabalho deverá ter a dimensão de um A4 ou de um A3.
f) No caso de não utilizar o computador para produzir a BD deverá digitalizar a mesma tendo em atenção que deverá optar pela resolução de 300 DPI’s no seu scanner.

9. CRITÉRIOS DE APRECIAÇÃO
a) Criatividade
b) Expressão plástica
c) Qualidade gráfica
d) Originalidade
e) Conteúdo

10. JÚRI DO CONCURSO

Paulo Monteiro – Director do Festival Internacional de Banda desenhada de Beja.
Marco Silva – Licenciado em Design Gráfico; Docente na Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Beja.
Bruno Rafael – Licenciado em Design Gráfico; Cartoonista.
Heitor Silva – Director do jornal Avenida Marginal; Escritor.

a) Todos os trabalhos submetidos a concurso serão avaliados pelo Júri.
b) Caberá ao Júri decidir sobre os casos omissos neste Regulamento.
c) Das decisões do Júri não haverá recurso.
d) O participante assumirá o compromisso de conhecer e cumprir este Regulamento e acatar as decisões do júri do concurso.
………………………………………………………….
MAIS INFORMAÇÕES
bd.
avenidamarginal@sapo.pt

http://concursobdavenidamarginal.blogspot.com
Organização do concurso
Marco Silva e Flávio Silva