Central Comics

Banda Desenhada, Cinema, Animação, TV, Videojogos

Comunicado sobre as revistas Marvel da Panini em Portugal

Serve este comunicado do Central Comics, pela minha pessoa, Hugo Jesus, diretor do site, para esclarecer alguns assuntos sobre os últimos artigos referentes aos lançamentos Marvel da Panini Comics Brasil.

Antes de mais quero lembrar que o Central Comics tem sempre vindo a apoiar a Panini, e divulgar os seus lançamentos de comics o melhor que pode. Achamos importante que haja banda desenhada americana a sair na nossa língua (neste caso, mais concretamente de super-heróis) a preços acessíveis, mesmo que, ainda assim, não seja em português de Portugal.

Panini comics

Dito isto, é sabido que a Panini, desde que está em Portugal a distribuir Marvel (e DC, quando o fazia), sempre negligenciou o nosso mercado e os nossos leitores, fazendo apenas os mínimos para poder manter os direitos da “Casa das Ideias” para o nosso país (na eventualidade de fazer negócio com outras editoras potencialmente interessadas?). Sobre a DC, assumo que não têm esse interesse, pois mesmo agora, quando os direitos estando livres pois não são exclusivos da Levoir*, não distribuem cá a “editora-mãe” do Super-Homem, Batman e companhia.

Sempre tivemos sagas que se passavam em títulos cruzados incompletas, meses em que não saíam revistas, sagas que não chegavam ao fim, etc, já para não falar da baixíssima quantidade de revistas em circulação. Posso adiantar que, uns meses antes desta organização cronológica e aumento de títulos disponíveis, na página Excel que recebemos com a informação da listagem de lançamentos, durante dois ou três meses, esta chegou com uma coluna onde eram apresentadas as quantidades das revistas em circulação. As mais populares, como “Homem-Aranha”, tinham 700 unidades. Das com menos quantidades, uma delas a “X-Men”, havia apenas umas míseras 200 revistas para o país inteiro.

Mas deixemos o passado e foquemo-nos na situação atual. Os lançamentos nos últimos tempos têm corrido normalmente, com estes a ocorrer por volta do dia 7 de cada mês, um par de dias para a frente ou para trás. A variedade é ajustada à realidade portuguesa, com preços que considero justos, com a única questão negativa a contínua escassez de quantidade disponível, sendo praticamente impossível encontrar as publicações nas bancas, principalmente fora dos grandes centros urbanos.

Defenderei sempre que poderiam lançar cá, nas livrarias, as edições especiais, de capa dura, ou de colecionador, mas isso já são outros quinhentos.

Ora, chegando a novembro, e pouco depois de publicarmos aqui os lançamentos desse mês que continha os mensais

  • “O Espetacular Homem-Aranha Vol. 2/46″ (HA)
  • “Os Vingadores Vol. 47” (VG)
  • “X-Men Vol. 54” (XM)

recebemos a lista de saídas de dezembro que informava que as edições

  • HA3/47
  • HA4/48
  • VG48
  • VG49
  • XM55
  • XM56

não iam ser distribuídas em Portugal por alegada falta de stock, saltando imediatamente para as seguintes:

  • HA5/49
  • VG50
  • XM57

Poucos dias depois vieram retificar a informação, e dizer que afinal estes números acima também iriam ser adiados para o mês seguinte, pois estavam a ser feitos esforços para que viessem do Brasil algumas unidades das revistas alegadamente esgotadas. Ou seja, mesmo não sendo na quantidade habitual, iam tentar providenciar algumas para que os colecionadores conseguissem colmatar eventuais falhas.

E assim foi, esses três títulos mensais não foram lançados em Dezembro.

Neste mês de janeiro eis que anunciaram e distribuíram as tais publicações alegadamente esgotadas

  • HA3/47
  • HA4/48
  • VG48
  • VG49
  • XM55
  • XM56

 Mas, para além disso, anunciaram ainda o lançamento de

  • HA6/50
  • VG51
  • XM58

provocando agora o buraco das

  • HA5/49
  • VG50
  • XM57

as tais que iriam ser lançadas em dezembro, mas que foram, supostamente, adiadas para este mês de janeiro.

Tenho trocado e-mails com a pessoa responsável que pertence à Panini Espanha, para mais esclarecimentos, mas a situação continua até agora muito confusa. Os números anunciados HA6/50, VG51 e XM58 não chegaram às bancas juntamente com os outros, mas foi-nos informado que a Vasp faria uma distribuição faseada, sendo que estes três irão sair até dia 19 de Janeiro.

Insisti com eles para lhes dizer que, mesmo assim, continuam a faltar números no meio, mas veio uma resposta contraditória dizendo agora que esses já tinham saído no mês passado (quando tal não aconteceu). Por isso, tentei de novo explicar que não, que isso não se verificou, mas durante o dia de hoje não obtive mais respostas.

Ainda fiz um telefonema para a Panini Portugal, mas disseram-me que em questões de banda desenhada não me podiam ajudar e a única pessoa que o podia fazer era com quem tenho trocado e-mails.

O endereço de e-mail português info@paniniportugal.com também já não existe ou não funciona, e o formulário de contacto online está a dar erro.

Durante o mês de dezembro tentei, por mais do que uma vez, contactar a Panini Comics Brasil, também sem resposta.

Lamento que este comunicado ainda não possa esclarecer tudo, mas quis ser transparente e partilhar o ponto da situação convosco, e já sabem que havendo desenvolvimentos teremos todo o gosto em atualizar este artigo, ou comunicar-vos de outra forma.

Boas Leituras!

* Este dado não foi confirmado com a Levoir, mas visto que não tem havido lançamentos DC desta editora há já muito tempo e que, para manter a exclusividade, é preciso cumprir com pressupostos mínimos que obviamente não foram cumpridos, especulo que esta informação esteja correta.

2 thoughts on “Comunicado sobre as revistas Marvel da Panini em Portugal

  1. Esperemos que sim, que afinal saia tudo direitinho. Seria bom sinal. Mas no site oficial não encontro

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Verified by MonsterInsights