Central Comics

Banda Desenhada, Cinema, Animação, TV, Videojogos

As Novidades de A Seita para 2022 (BD Portuguesa)

A Seita já é há anos – ainda antes da existência da própria Seita! – uma das principais editoras de banda desenhada de autores portugueses.

Na altura, a Comic Heart, o projecto editorial de Bruno Caetano e José de Freitas de publicar uma BD portuguesa algo mais mainstream, coexistia dentro da G. Floy Studio. E em 2019, quando os projectos específicos que existiam na editora dinamarquesa se tornaram independentes e integraram a cooperativa editorial A Seita, a Comic Heart tornou-se num dos selos fundadores.

Mas neste momento, A Seita inclui outros selos que têm uma vertente de BD nacional. É o caso da parceria com a Turbina, que já nos trouxe um álbum de Fernando Relvas em 2021, mas também de André Morgado e do seu Bicho Carpinteiro, e possivelmente outros projectos que estão a ser falados.

E 2022 vai ser um dos anos mais intensos de edição de BD portuguesa de sempre, pelo menos n’A Seita. Mais de uma dezena de álbuns estão na calha para serem lançados até ao final do ano. Alguns destes projectos foram possibilitados (ou impulsionados) por programas de apoio à edição, nomeadamente da DGLAB, mas também o programa Garantir Cultura, e no total incluem-se algumas estreias de autores com apenas curtas ou edições de autor no seu currículo, mas também álbuns de alguns dos nomes mais consagrados do panorama da BD nacional, e reedições.

E começamos na Comic Heart, por aquele que é o primeiro trabalho de longo fôlego de Kachisou, uma mangaka portuguesa que tinha já autoeditado o pequeno álbum “Weak”, e que chegará ainda na primeira metade do ano com um álbum (em formato mangá) completo em c. 112 pgs.

“Quero Voar”, um romance gráfico que nos arrasta para a vida complexa e trágica de um jovem em conflito com os pais, os amigos, o mundo…

Quero Voar

Entretanto temos também o regresso da dupla Manuel Morgado e Filipe Faria, que nos trazem o segundo volume da sua popular série de fantasia “Dragomante”, que também deverá chegar ainda no primeiro semestre.

Dragomante Vol. 2

E um novo álbum de Joana Afonso. Este álbum é a continuação do comic com que venceu este ano o Prémio Amadora BD na categoria Edição Independente: as suas 20 e tal páginas transformadas em mais de 60 pranchas a cores num magnífico álbum em capa dura intitulado, claro, “O Bestiário da Isa”!


Bestiário

Outro artista que regressa à edição este ano é Marco Mendes, com um álbum intitulado “Porto”, uma experiência de BD muda, que nos traz algumas das mais belas pranchas que o autor do Porto já desenhou e pintou.

Juventude

Este álbum sairá em parceria com a Turbina, num trabalho editorial de Júlio Moreira, sócio d’A Seita e da Turbina, e que já há muitos anos que se dedica à edição da obra de Marco Mendes.

Também pelas mãos da Turbina, um interessante projecto intitulado “Variantes”: não se trata bem de um álbum de BD, mas sim de um álbum de homenagem à BD nacional, que procura relembrar 24 obras importantes da BD portuguesa, cada uma delas representada por uma prancha emblemática aqui reinterpretada por um autor contemporâneo

Variantes

– o álbum incluirá também textos alusivos às obras originais, e conta com páginas desenhadas pelos mais conhecidos e mais inovadores artistas actuais, desde Marta Teives e Rita Alfaiate, a André Pereira e André Caetano, passando por Fábio Veras, Hada, Daniela Duarte, Marco Mendes, Paula Cabral, e muitos mais.

Regressando à Comic Heart, temos também um álbum de Paulo Montes, autor que até agora ainda não tinha assinado nenhum álbum completo, apesar de ter alguma obra feita já nos EUA, e que nos vai trazer uma saga de fantasia com toques de demonologia!

E claro, estão bem encaminhados os três álbuns que vão continuar as séries que iniciámos este ano: “O Homem de Lugar Nenhum”, de Tiago Barros e Fábio Veras, que se vai concluir no seu segundo volume.

O segundo volume da saga do super-heróis português mais desastrado e mais chateado de todos, o “Macho-Alfa” (segundo de um total de quatro);

Macho Alpha vol. 2

E o segundo volume (de três) da série “Umbigo do Mundo”. Os três álbuns estão apontados para o final do ano.

O Umbigo do Mundo vol. 2

Mas a Bicho Carpinteiro inaugura também a sua actividade este ano n’A Seita com o álbum “O (in)Feliz Pacto de George Walden”, fábula fantástica contemporânea que assinala o regresso de André Morgado, o argumentista de “A Vida Oculta de Fernando Pessoa”, acompanhado pelo artista brasileiro Rodolfo Oliveira.

E teremos também a reedição de um livro que é de certa maneira um “clássico” da BD portuguesa, de um autor que A Seita, em parceria com a Arte de Autor, começou a dar a conhecer melhor aos leitores portugueses: Jorge Miguel, cujo álbum “O Fado Ilustrado”, vai ser publicado na Polónia, e de que A Seita vai aproveitar a boleia para lançar uma nova e bonita versão em capa dura.

E para finalizar esta ronda de antevisões, A Seita irá também colaborar com a Associação Adriano Correia de
Oliveira na edição de “O Perigoso Pacifista”, da autoria de João Mascarenhas, um nome bem conhecido da BD nacional e de Paulo Vaz de Carvalho, uma biografia em BD de um dos nomes maiores da canção revolucionária e da luta contra o antigo regime, Adriano Correia de Oliveira.

O Perigoso Pacifista

Há outros projectos a caminho, mas estes aqui mencionados são aqueles que A Seita pode garantir como certos para o ano de 2022, e que já o vão tornar num dos mais ricos em banda desenhada de autores nacionais de todos os tempos.


A Entrevista Possível Com #7 | Mário Augusto

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *