O Dia Mais Curto

Central Comics

Banda Desenhada, Cinema, Animação, TV, Videojogos

Top 3 Bandas Desenhadas com Tema de Casino: Os Melhores Comics

Gosta de comics e é fã de casino? Então, aproveite para conhecer as melhores bandas desenhadas de todos os tempos inspiradas no universo dos jogos de azar.

Top 3 Comics com Tema de Casino

Os casinos fazem parte do imaginário popular há muito tempo. E isso reflete na produção cultural, com muitas menções a jogos de azar na música, na literatura e no cinema, por exemplo. No mundo dos comics, não é diferente. Ao longo das décadas, muitas histórias e personagens de banda desenhada tiveram como tema os jogos de casino.

Desde as BDs da Marvel e da DC até o mangá, não faltam boas referências nessa temática. Então, muitas vezes, quem gosta de casinos e de comics pode escolher até mesmo o estilo, o traço e o jogo preferidos para aproveitar uma boa sessão de leitura.

Não sabe o que procurar nem por onde começar? Para poupar parte do seu trabalho, listamos a seguir os três melhores comics com tema de casino.

Três melhores comics de casino

Avaliamos muitas histórias e estilos de comics para esta lista. Há tantas opções que muitos personagens viraram até mesmo temas de jogos de casino. É possível encontrá-los em alguns dos sites avaliados em online-casinos.com.

O resultado da nossa pesquisa não poderia ser mais diverso. As BDs selecionadas foram:

  • Akagi
  • Histórias com o Gambit (Marvel)
  • Histórias com a Roulette (DC)

Quer saber o que torna esses comics tão interessantes? A seguir, contamos os melhores detalhes sobre cada um deles.

Akagi

Akagi é um mangá escrito por Nobuyuki Fukumoto, um dos maiores nomes do gênero no Japão. A história acompanha o personagem Shigeru Akagi, um adolescente que tem um talento natural para o jogo.

Com o tempo, Akagi se envolve com o submundo do jogo ilegal e acaba se tornando um dos maiores jogadores de mahjong do país. Tudo começa um pouco ao acaso, mas evolui rapidamente após ele derrotar os membros da Yakuza no jogo mesmo sem conhecer as regras.

A trama é repleta de reviravoltas e surpresas, e o leitor não pode deixar de ficar viciado (na história). Uma prova disso é que Akagi vendeu 12 milhões de cópias no Japão. A história também foi adaptada duas vezes para o cinema, virou programa de televisão e gerou diversos livros, videogames e muito mais.

O mangá foi publicado pela primeira vez em 1991, e até hoje Akagi continua sendo um dos títulos mais populares de Fukumoto. Quem ainda não leu Akagi, está a perder uma das histórias de mangá mais interessantes já criadas. Principalmente, para os adeptos de jogos de casino.

Histórias com o Gambit (Marvel)

O Gambit é um dos personagens secundários mais carismáticos das histórias de X-Men, e isso não é à toa. Além de ser extremamente poderoso, ele também é um grande jogador de poker.

O nome verdadeiro de Gambit é Remy Etienne LeBeau. Ele é um mutante capaz de criar e manipular a energia cinética. Com um passado de desvios na juventude, ele se torna um membro dos X-Men posteriormente. Ao longo das últimas décadas, foram lançadas várias séries solo com o Gambit na Marvel. Ele também fez centenas de aparições em outras histórias.

Em algumas histórias, o Gambit usa seus poderes para manipular as cartas e ganhar facilmente. Mas, em outras, ele mostra que é um jogador habilidoso, mesmo sem usar seus poderes. Um dos seus movimentos típicos é carregar uma carta de baralho com energia cinética e, então, usá-la como arma.

Diferentemente do que ocorre no mangá, o Gambit é um dos poucos personagens de quadrinhos ocidentais com tema de jogos de azar que não é considerado um vilão. Sua primeira aparição ocorreu em Uncanny X-Men Annual #14, na qual ele fez uma participação especial em 1990. Já a sua primeira aparição completa ocorreu em Uncanny X-Men #266, também em 1990.

Histórias com a Roulette (DC)

A Roulette é uma personagem da DC Comics que tem um grande talento para os jogos de azar. Em algumas histórias, ela é retratada como uma dona de cassino, enquanto em outras, ela é mostrada como uma jogadora profissional. Seu nome verdadeiro é Veronica Sinclair.

Em algumas de suas histórias mais populares, ela promove lutas entre super-heróis enquanto super-vilões assistem e apostam no resultado. Tudo isso ocorre em seu casino “The House”.

De qualquer forma, a Roulette sempre está envolvida em alguma história interessante, seja ao manipular os jogos para ganhar, seja ao enfrentar outros personagens em apostas. Ela não tem superpoderes, mas é um gênio quando se trata de calcular probabilidades e ganhos em jogos de azar. Também é mestre em artes marciais e sabe como usar seus grampos de cabelo como uma arma poderosa em uma batalha.

A Roulette apareceu pela primeira vez na história Upping the Ante da revista JSA Secret Files and Origins #2. Desde então, esteve presente em mais de 30 outras histórias, nas quais contracena com diferentes heróis e vilões da DC.

Outros personagens interessantes com tema de casino

Existem muitos outros personagens de banda desenhada com tema de casino. Aqui, vamos listar mais dois exemplos interessantes:

Kaiji

Essa é outra série de mangá criada por Nobuyuki Fukumoto e com tema de jogos de azar. Lançada pela primeira vez em 1996, teve grande parte de seu sucesso inicial baseada na fama de Akagi nos anos 1990. No entanto, ao longo do tempo, tornou-se imensamente popular e gerou seus próprios produtos, como duas séries de televisão, dois filmes e até mesmo um reality show.

O herói da história, Kaiji, é um jogador que se vê em imensas dificuldades após tomar um empréstimo e não conseguir pagá-lo. Como resultado, ele é enviado a um campo de trabalhos forçados da Yakuza. A vida por lá, claro, não é fácil. As histórias têm como mote a forma como Kaiji usa suas habilidades de jogo para se livrar das dificuldades.

Chance

Os adeptos mais ardorosos do universo Marvel provavelmente estavam a sentir falta do Chance, um dos vilões mais carismáticos das histórias do Homem-Aranha. Ele é o alter-ego de Nicholas Powell, um homem rico que também é um jogador compulsivo.

Powell assume riscos extremos em sua vida porque essa é a única maneira encontrada por ele para trazer emoção à sua vida. Aos poucos, à medida que ele se arrisca em aventuras cada vez mais perigosas, transforma-se no super-mercenário Chance. Para tornar tudo mais excitante, aposta com seus contratantes e paga a eles um valor caso não consiga cumprir as missões recebidas.

A primeira aparição do Chance ocorreu em Spiderman #15, em 1986. Apesar de não ser um personagem tão frequente, ele já apareceu em cerca de 25 outras histórias desde então. Na maioria das vezes, o seu adversário é o Homem-Aranha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *