Serviço Streaming da Disney já tem nome!

O Netflix tem se tornado cada vez mais popular ao longo dos últimos anos pelo que forçou Hollywood a encontrar outras alternativas financeiras. A Disney revelou hoje já ter um título para o seu serviço streaming e que esta é a sua maior prioridade para 2019.

Disney play

O Diretor da Disney, Bob Iger revelou hoje que para já o título do serviço streaming será chamado “Disney Play” e que está pronto para competir com as maiores empresas do meio, nomeadamente Netflix e Amazon. Sairá ainda uma app intitulada de “Play Disney” que é um jogo de telemóvel direcionado para os visitantes dos parques da Disney. Ainda não foram confirmados se estes nomes permanecerão assim.

  Os esquecidos nas nomeações aos Oscars!

O preço e detalhes do serviço streaming ainda foram divulgados mas Bob Iger confirmou que o preço base será muito mais baixo que o da Netflix (atualmente em 8,99$). Todavia, o preço poderá variar à medida que a Disney for criando conteúdo exclusivo para o Disney Play.

Atualmente, a Disney lucra 300$ milhões com o seu conteúdo no Netflix, espera-se que o contrato termine em 2019. Todos os filmes distribuídos pela Disney, nomeadamente Lucasfilm (Star Wars), Marvel e Pixar, estarão disponíveis no Disney Play. O mesmo acontecerá com as séries dos mesmos estúdios. As únicas séries que permanecerão no Netflix são as colaborações entre as duas empresas: DareDevil, Jessica Jones, Iron Fist, The Defenders e Luke Cage.

Disney Play stream

A Disney tentará ainda incluir os seus próximos lançamentos no Disney Play de modo a atrair mais subscritores: Captain Marvel, Toy Story 4, Frozen 2, Star Wars: Episódio IX, e os live-actions Dumbo e The Lion King. Estão ainda confirmadas 4 séries originais exclusivas para o serviço streaming, nomeadamente da Marvel, Monstros e Companhia, High School Musical e Star Wars. Estima-se a Disney precisará de 40 milhões de subscritores a pagarem 6$ por mês para começar a lucrar com o Disney Play.

  Cinema: Crítica - O Culpado (2018)

Os únicos filmes que a Disney não poderá incluir no seu serviço são os primeiros 6 Star Wars, pois pertencem à TBS até 2022.

Ainda não há data confirmada para o Disney Play mas o diretor está a apontar para Outono de 2019.

Tiago Ferreira

Estudante de Cinema e Teatro, Crítico de Cinema, Fotógrafo novato e Cosplayer.

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

GeraLinks