Central Comics

Banda Desenhada, Cinema, Animação, TV, Videojogos

“Ice Merchants” de João Gonzalez vence em Cannes

Na sua estreia mundial, “Ice Merchants” foi galardoado com o Prémio do Júri da Semaine de la Critique para melhor curta-metragem em competição. É a primeira vez na história da Semaine, que completa este ano 61 edições, que um filme de animação vence o prémio Leitz Cine Discovery Prize desta secção.

Ice Merchants” foi uma das dez curtas-metragens em competição na secção do festival francês, sendo o primeiro filme português de animação a integrar a seleção. 
Ice Merchants” é um intrigante filme de animação que explora a relação entre um pai e um filho, num exercício de consolidação de um estilo único e singular, que faz de João Gonzalez uma das grandes promessas da animação mundial.

Ice Merchant

Depois dos premiados “Nestor” e “The Voyager”, “Ice Merchants” é o terceiro filme de João Gonzalez e o primeiro como realizador profissional, contando com o apoio do Instituto do Cinema e Audiovisual.

“Algo que sempre me fascinou no cinema de animação é a liberdade que nos oferece para criar algo do zero, de raiz. Cenários e realidades surrealistas e bizarras que podem ser usadas como instrumento de metáfora para falar sobre algo que nos é comum na nossa realidade mais “real”. ” diz o realizador João Gonzalez.

Ice Merchant

Um homem e o seu filho saltam de paraquedas todos os dias, da sua casa fria e vertiginosa presa no alto de um precipício, para se deslocarem à aldeia que se situa na planície abaixo, onde vendem o gelo que produzem diariamente.
Ice Merchants é uma história humana e um drama familiar, passado numa realidade impossível.



Ice Merchants” foi recentemente anunciado na selecção do Festival Internacional de Cinema de Guadalajara, sendo um dos 15 nomeados ao prémio internacional Rigo Mora (criado por Guillermo del Toro), categoria do festival mexicano elegível para qualificação nos Oscar Academy Awards. 

Ice Merchant


O realizador nasceu no Porto em 1986, e para além de realizador, é animador, ilustrador e músico, com formação clássica em piano. Bolseiro da Fundação Calouste Gulbenkian, fez mestrado na Royal College Art (UK), depois de terminar a licenciatura na ESMAD (PT). Nessas instituições realizou 2 filmes, “Nestor” e “The Voyager”, que juntos receberam mais de 20 prémios Nacionais e Internacionais, assim como mais de 130 seleções oficiais em festivais de cinema espalhados pelo mundo, marcando presença em festivais qualificantes a Oscar e a BAFTA.
João tem um grande interesse em combinar o seu background musical com a sua prática em animação autoral, assumindo sempre o papel de compositor e por vezes de instrumentista nos filmes que realiza, ocasionalmente acompanhando-os com performances ao vivo.


Para além de realizador, diretor de arte e animador (tendo contado com a colaboração da animadora polaca Ala Nunu neste filme), João Gonzalez foi também instrumentista e compositor da banda sonora, que contou com a participação de Nuno Lobo na orquestração e de um grupo de músicos da ESMAE. A sonoplastia é de Ed Trousseau, com gravação e mistura de Ricardo Real e Joana Rodrigues. Uma equipa portuguesa, polaca, francesa e inglesa trabalhou na coloração da animação do filme. 

Co-produção portuguesa, inglesa e francesa, o filme foi produzido por Bruno Caetano na Cola – Coletivo Audiovisual, em co-produção com Michaël Proença da Wild Stream, em França, e com a Royal College of Art no Reino Unido. Conta com distribuição pela Agência da Curta Metragem.  

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.