Cinema: Crítica – Alpha (2018)

Conhece a história fascinante e visualmente deslumbrante das origens do melhor amigo do Homem em Alpha, 30 de agosto nos cinemas.

Alpha - filme

Alpha - filmeAlpha é uma aventura deslumbrante e épica passada durante a Idade do Gelo que testemunha as origens do encontro entre o Homem e o seu melhor amigo. Realizado por Albert Hughes (Ellie), o jovem Keda (Kodi Smit-McPhee) perde-se da sua tribo durante a sua primeira grande caçada e terá de aprender a sobreviver sozinho num vasto deserto. Eventualmente, uma alcateia tenta atacá-lo e Keda fere gravemente um dos lobos. Ao reparar que ambos se tornaram seres solitários, o protagonista salva o animal e acabam por aprender a confiar um no outro, ultrapassando inúmeros perigos e adversidades e tornando-se figuras completamente inseparáveis.

Antes de mais há que mencionar os visuais lindíssimos desta obra cinematográfica. O diretor de fotografia e equipa de efeitos especiais conseguiram criar imagens inesquecíveis dos espaços onde Keda e o seu amigo canino, Alpha, vão passando durante o seu regresso a casa. Desde paisagens naturais do verão e inverno, criaturas aterradoras, aurora boleal, enfim o filme consegue transmitir a dimensão e variedade do espaço onde a história decorre, utilizando ainda uma língua desconhecida durante toda a sua progressão. Além disto, as cenas de ação e emocionais estão feitas de um modo muito humano e natural devido principalmente à forte ligação entre os dois protagonistas e a exigência que o espetador impõe para que tudo lhes corra bem.

  Elencos e produções espectaculares no cinema

Obviamente que algumas cenas ultrapassam o nível de verossimilhança, no entanto, o filme consegue definir-se antecipadamente no género épico quando Keda sobrevive a uma cena improvável numa queda de um penhasco. A ligação entre os dois personagens é encantadora e inevitável, mas o filme não força este acontecimento. As cenas iniciais entre ambos são bastante lentas e tornam a confiança entre os dois mais credível, indo crescendo à medida que passam mais tempo juntos. O lobo torna-se quase no tipo de cão doméstico que conhecemos atualmente e existem ainda aparições dos habituais truques que pedimos aos nossos amigos caninos, como ir buscar o pau ou ficar no lugar quando são ordenados.

Alpha - filme

É um filme com uma história bastante simples mas que se torna única pelo modo com que nos demonstra esta deslumbrante aventura e relação entre o Homem e o seu melhor amigo.

  • Alpha estreia a 30 agosto 2018 nos cinemas

7/10

Tiago Ferreira

Tiago Ferreira

Estudante de Cinema e Teatro, Crítico de Cinema, Fotógrafo novato e Cosplayer.

You may also like...

1 Response

  1. Deiler Souza diz:

    Muito boa a sua crítica! O filme é lindíssimo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *