Neste fim-de-semana, os espectadores escolheram ver Pokémon ou Vingadores?

Em fim-de-semana com muitos filmes novos nos cinemas, acabou por ser uma das estreias da semana a liderar a escolha dos espectadores portugueses. “Pokémon Detetive Pikachu” levou aos cinemas 48 mil espectadores e liderou a preferência nas bilheteiras dos cinemas portugueses.

No segundo lugar da lista de bilhetes vendidos surge “Vingadores: Endgame”. No início da terceira semana em cartaz o épico elenco de estrelas levou aos cinemas 44 mil espectadores.

A comédia romântica “Seduz-me se És Capaz” vendeu mais 8 mil bilhetes, e encerra o pódio das bilheteiras nacionais.

SeduzMeSeEsCapaz_01

Com tantas novidades nos cinemas portugueses, destacaram-se:
– o drama de inspiração “Um Ato de Fé” levou aos cinemas 3 504 espectadores;
– a comovente jornada do bombeiro francês “Vida Por Vida” vendeu 3 169 bilhetes;
– o thriller “O Intruso”, com Dennis Quaid, foi visto por 2 556 espectadores;

– o novo filme de Ivo Ferreira, “Hotel Império”, levou aos cinemas 1 539 espectadores;
– “Guerra Sem Cartel”, o mais recente filme com Jean Claude Van Damme, vendeu 1 446 bilhetes.

No fim-de-semana em análise foram vendidos pouco mais de 140 mil bilhetes, eventuais consequências das excelentes condições atmosféricas e dos espectadores aguardarem a Festa do Cinema para verem os filmes com bilhetes a 2,5€.

Box Office Portugal – Fim-de-Semana 9 a 12 de Maio

  Destaques da HBO para 2020!
# TÍTULO DIAS EM EXIBIÇÃO Nº ECRÃS ESPECTADORES NO FIM-DE-SEMANA (9 a 12 de Maio) TOTAL DE ESPECTADORES
1 POKÉMON DETETIVE PIKACHU 4 89 48 089 48 089
2 VINGADORES: ENDGAME 18 154 44 318 575 084
3 SEDUZ-ME SE ÉS CAPAZ 12 46 8 171 25 549
4 O PROFESSOR E O LOUCO 12 38 5 420 17 270
5 UM ATO DE FÉ 4 23 3 504 3 504
6 A MALDIÇÃO DA MULHER QUE CHORA 25 34 3 492 56 987
7 PARQUE DAS MARAVILHAS 32 50 3 378 106 471
8 VIDA POR VIDA 4 40 3 169 3 169
9 A GRANDE VIAGEM 18 45 3 064 21 823
10 O INTRUSO 4 20 2 556 2 556

Dados ICA – Instituto Cinema e Audiovisual; Ordenado por número de espectadores.

Ricardo Lopes

Começou a caminhar nos alicerces de uma sala de cinema, cresceu entre cartazes de filmes e película. E o trabalho no meio audiovisual aconteceu naturalmente, estando presente desde a pré-produção até à exibição.

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *