Fantasporto 2019: Programa de 22 de Fevereiro

O primeiro grande dia da 39ª edição do Fantasporto começa com grandes estreias e alguns clássicos, que não devem perder. Vejam aqui a programação para o dia 22 de Fevereiro.

Fantasporto2019_poster

SEXTA, 22 DE FEVEREIRO

GRANDE AUDITÓRIO

21:00 – Prospect
Zeek Earl, Chris Caldwell – 100’ (Can/EUA) – Ficção Científica
Este é um excelente exemplo do cinema independente americano. Uma adolescente e o pai vão a uma lua remota e tóxica, esperando encontrar riqueza para a vida, descobrindo um grande depósito de gemas valiosas e raras. Mas não estão sós. Com excelentes críticas do Variety e Hollywood Reporter, com Sophie Thatcher e Pedro Pascal, este filme foi seleccionado para os festivais de Seattle e Denver.

23:30 – Alien, O 8º Passageiro
Ridley Scott – 116’ (GB/EUA) – 1979 – Ficção Científica
Por ocasião dos 40 anos da estreia do filme, o Fantasporto homenageia Alien, o filme original da saga e a segunda longa-metragem do realizador que depois nos trouxe Blade Runner, Thelma & Louise, Gladiator ou The Martian. Uma nave espacial recebe um pedido de ajuda vindo de uma lua perto.
Na volta, um dos membros da tripulação traz com ele um a forma de vida misteriosa e letal, originalmente desenhada pelo artista suiço Giger. Com Sigourney Weaver, Tom Skerrit e John Hurt, entre outros. O filme venceu o Oscar de Melhores Efeitos Visuais em 1980.

  Novo filme de Tarantino recebe ovação de pé em Cannes

PEQUENO AUDITÓRIO

21:15 – The Husband’s Secret
Lin Tuan-Chiu – 102’ – 1960 – Retro-Taiwan – INTERNATIONAL PREMIÈRE
Tshiu-Bi e o marido Siu-Chi têm um casamento que parece perfeito mas ainda não têm filhos. Quando a amiga de Tshiu-Bi, Le-Hun, uma mãe solteira, é forçada a trabalhar num clube nocturno para criar o filho, Tshiu-Bi tenta ajudá-la como pode. Contudo, não sabe que Le-Hun e o marido foram em tempos passados amantes. Para evitar complicações. Li-Hun decide afastar-se.

TheHusbandsSecret_01

23:15 – His Master’s Voice
Gyorgy Palfi – 110’ (Hungria) – CF – Drama/Ficção Científica
Baseado numa história de Stanislaw Lem (Solaris), o filme traça o percurso de Peter em busca do seu pai cientista que abandonou a família no anos 70, no período da Hungria comunista. Reconhecendo-o num documentário antigo, Peter viaja para a América. O trabalho do pai está, afinal, relacionado com eventos misteriosos no passado, trazendo à luz o facto de que, afinal, o universo não está mudo e que não estamos sós. Uma história de ficção-científica vinda do conhecido realizador de Taxidermia, Prémio do Público do Fantasporto 2007.

Ricardo Du Toit

Fã irrepreensível de cinema de todos os géneros, mas sobretudo terror. Também adora queimar borracha em jogos de carros.

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *