Mais BD da Polvo com: Maria – A maior das subversões

Maria – A maior das subversões, de Henrique Magalhães e mais uma aposta da Polvo Livros, que aproveita o Festival de Amadora para os seus lançamentos!

“Maria” afamou-se pela crítica à insubordinação do poder autoritário que se instalou no Brasil nass décadas de 1960 e 80. Se inicialmente era uma solteira em busca de companhia, a pouco e pouco foi-se colocando contra a ditadura militar, o cerceamento das liberdades políticas, a censura e os velhos costumes que estruturavam uma sociedade sexista, racista, homofóbica e conservadora. Nesta publicação mostra-se a fase mais irritante da luta política de Maria, ao lado de Pombinha e Zefinha e em confronto à temível Madame Corporeichon, encarnação do poder instituído.

Henrique Magalhães venceu no Amadora BD, em 2016, com “Seu nome próprio… Maria! Seu apelido Lisboa”, o Prémio Nacional de Banda Desenhada, na categoria de “Melhor Álbum de Tiras Humorísticas”.

Maria - A maior das subversões, Henrique Magalhães Maria - A maior das subversões, Henrique Magalhães Maria - A maior das subversões, Henrique Magalhães

Maria – A maior das subversões
de Henrique Magalhães
Polvo
64 págs., preto e branco
capa a 4 cores, com badanas
PVP: 7,50 euros

Fonte: Polvo


PatoAventuras 2017 (Abertura Portugal)