Últimas considerações sobre os X Troféus Central Comics

Serve o presente comunicado para servir como resposta ao comentário de Jorge Machado-Dias no blogue Kuentro , sobre o que este acha errado nos Troféus Central Comics, e sua recusa em aceitar o Troféu de Melhor Publicação Técnica para o seu BDJornal.

O seu post pode ser lido aqui: http://kuentro.blogspot.pt/2012/09/atribuicoes-dos-x-trofeus-central.html.

Como sempre, agradecemos as intervenções em prol do TCC e não é surpresa este novo comentário, face ao desagrado de Jorge Machado-Dias quanto à nomeação do BDjornal.
Mas se quer realmente uma discussão séria, é dispensável a insistência em tecer apartes vexantes (como voltar a mencionar os “Estatutos”, dado que já assumimos a nomenclatura única de “Regulamentos” no evento, algo que aliás – repito – já era assumida antes), pois, se preza o TCC como diz, saberá que é isso, mais do que diferenças de opinião sobre o formato dos prémios, o potencial factor “descredibilizante” aqui. Aliás, é curiosa a forma como pressões (encapotadas de sugestão?) são feitas na nossa comunidade, ao apontar-se sempre o dedo a como isto ou aquilo será irrevogavelmente descredibilizado se as mudanças não forem aplicadas por inteiro. É como uma espécie de simulação para penalti no meio da BD… Achamos isso um exagero ridículo, assim como é tentarem emproar questões ao inventar-se disto uma suposta “acesa discussão”, uma vez que sempre argumentámos tudo a bem.

Achamos também dispensável uma falha em indicar todos os factos e haver erros de palmatória sobre isso que propõem referir. Por exemplo: Apesar do que indica no seu “post”, o total de votos recebidos FOI frisado no documento, no 2º parágrafo, em BOLD, e indicando adicionalmente quantos participantes são leitores e quantos são profissionais do sector. Aparentemente, não viu bem: foram 730 votantes. De resto, como está no Regulamento, não facultamos mais info sobre os votantes, para salvaguardar a identidade de quem participa e os dados pessoais ali facultados (para efeitos da atribuição da mini-bedeteca oferecida no evento).

Também era justo e cortês ter indicado o link da nossa resposta à sua proposta anterior, igualmente exaustiva e onde vários tópicos que agora re-aborda foram desmontados. Caso contrário, passa a noção de que a organização não deu ouvidos nem considerou o seu esforço, coisa que não aconteceu de todo. Aliás, apesar das suas sugestões terem chegado tarde demais, tomámos a decisão de adiar a votação para ainda este ano se ponderar e acautelar mudanças que melhorem a estrutura dos prémios, filtrando o que fazia sentido no que nos propôs.
Aqui fica o link do artigo: http://www.centralcomics.com/2012/05/26/novos-trofeus-central-comics-%E2%80%93-consideracoes/

Sobre as contínuas discordâncias das nomenclaturas, remetemos para o que dissemos no artigo. Só ressalvamos não concordar sobre o Zona ser uma edição amadora, pois o estatuto de associação não deverá imputar nos projectos comerciais que façam (como é o caso das antologias), senão, por essa lógica, também a Chili com Carne, há anos profissional em BD, teria de ser descartada. Convém ler os critérios em vigor porque foram alterados e são claros quanto aos aspectos que doravante consideramos no processo de selecção dos prémios.

Falta apenas clarificar de uma vez por todas o porquê do BDJornal estar incluído numa categoria chamada de “Melhor Publicação Técnica”. Segundo os regulamentos, as publicações a incluir nesta categoria são:
“Obra sobre arte sequencial, prancha ou tiras humorísticas e caricatura, tais como publicação informativa, ensaio, dicionário/enciclopédia, catálogo, monografia, livro de arte ou esboços, e tutorial, editada em/para Portugal no ano transacto(…)” – ver o resto aqui: http://www.centralcomics.com/wp-content/uploads/2012/07/regulamentos-TCC-100×150.jpg

Troféu Melhor Publicação Técnica 2011 - BDJornalAssim sendo, e devido ao pequeno mercado que actualmente existe em Portugal, englobámos numa só categoria vários tipos de publicações. E na falta de escolher um nome curto e perfeito, resolvémos baptizá-la como “Melhor Publicação Técnica”. Lamentamos que o editor do BDJornal, Jorge Machado-Dias, não consiga conceber este nosso critério e escolha como válidos. No entanto, convém lembrar que este é um prémio dado pelo público e não pela Central Comics, e como tal foi o público que conferiu este merecido troféu ao BDjornal, que entendeu ser a melhor das publicações “técnicas” do ano.
(Do lado direito, o troféu que não será entregue ao editor Jorge Machado-Dias)

Obrigado.
Hugo Jesus

Relacionados